Cassoulet

by Pat Feldman on 23/09/2016 · 4 comments

in Aves, Grãos, RECEITAS

Screen Shot 2016-08-15 at 6.43.50 AMFaz um tempão que venho ensaiando para preparar essa receita que eu adoro e já tive a oportunidade de experimentar em lugares incríveis! Como tudo que eu gosto muito, prefiro fazer em casa. Prefiro porque adoro saber fazer as coisas e adoro mais ainda porque é fazendo em casa que a gente garante saber exatamente todos os ingredientes que foram usados.

É como eu sempre digo, não é (só) O QUE se come, é SE você prepara o que come, é COMO você prepara o que come, é O QUE VOCÊ USA para preparar o que come!

Eu demorei para preparar essa receita nem sei porque, talvez ela me parecesse trabalhosa ou complicada demais. Eu li várias versões antes de decidir pela minha própria versão, e confesso que em alguns casos o que li me desanimou! Interessante como alguns autores de receitas gostam de complicar a nossa vida, incluindo etapas super mirabolantes e utensílios inviáveis em suas receitas!!! Será que eles não querem que a gente seja capaz de reproduzir as receitas em casa??

No fim das contas a receita não é nada difícil, mas sim um pouco trabalhosa e demorada, não é daquelas coisas que dá pra fazer em cinco minutos e servir, então quando for preparar, escolha um dia para curtir o preparo, faça ser divertido! De preferência convide amigos para aproveitar com você, porque a receita rende bastante, serve de 12 a 16 pessoas. Se você não quer convidar tanta gente, faça a receita toda mesmo assim, e o que sobrar você congela em porções menores para o dia da preguiça ou da pressa.

Esse prato, como todos os outros que levam grãos, exige apenas uma providência no dia anterior ao seu preparo: o feijão deve ser colocado de molho por pelo menos 24 horas. CLIQUE AQUI e entenda a razão.

Ingredientes:

6 xícaras de feijão branco

água morna filtrada

4 coxas de pato – você pode comprar confit, aquela conservada em gordura. Eu acabei comprado a comum mesmo, só congelada.

2 cebolas médias finamente picadas

1 xícara de vinho branco seco

1/2 xícara de sumo de limão

uma porção generosa de tomilho fresco, 2 folhas de louro, 4 estrelas de anis e 4 flores de cravo embalados num saquinho de pano (eu usei um pedacinho de fralda de pano que amarrei feito uma trouxinha)

3 xícaras de caldo de carne caseiro

3 xícaras de caldo de pato caseiro (esse eu usei com gordura e tudo)

6 dentes de alho amassados ou finamente picados

2 colheres de chá de sal (eu uso o cinza, não refinado, e a quantidade você pode ajustar à gosto, mas o prato é todo tão saboroso, que nem há a necessidade de salgar demais)

1 colher de chá de pimenta verde seca amassada (difícil de achar, se quiser pode substituir pela pimenta rosa)

600g de carne de cordeiro (a parte que você preferir) cortada em cubos grandes

 2 xícaras de tomates orgânicos sem sementes e picados

1,5 kg de linguiça (por favor, escolha uma linguiça bem artesanal ou faça sua linguiça em casa, eu ensino!)

2 colheres de sopa de manteiga

1/4 de xícara de salsinha finamente picada

Modo de Preparo:

Coloque o feijão branco de molho em água morna e soro de iogurte, à temperatura ambiente, por 24 horas. Lembre-se que essa etapa deve ser feita um dia antes do preparo em si do prato.

Numa panela larga e de fundo grosso (eu uso e recomendo panela de ferro), doure as coxas de pato em sua própria gordura – a carne de pato é bem gorda -, até que ela fique bem dourada de todos os lados.

Retire da panela, transfira para uma travessa e reserve.

Escorra os feijões do molho e lave-os muito bem em água corrente.

Na gordura de pato refogue as cebolas, junte o vinho e leve à fervura. Junte o feijão branco e também os caldos caseiros de carne e de pato. Leve à fervura novamente e junte o suco de limão, sal, pimenta e a trouxinha de ervas.

Retorne as coxas de pato para a panela, tampe e cozinhe em fogo muuuuuuito baixo (ou no forno baixíssimo) por cerca de 3 horas, mexendo ocasionalmente.

Enquanto isso, refogue o cordeiro na manteiga em outra panela de fundo grosso. Junte os tomates picados. Adicione também um punhado de alho picado e sal e pimenta do reino à gosto. Cubra e cozinhe também em fogo muito baixo por cerca de 3 horas, ou até que o cordeiro esteja bem macio.

Cerca de meia hora antes do feijão ficar pronto, junte as linguiças à essa panela para que cozinhem. você pode dar uma rápida tostada nas linguiças antes de levá-las à panela – isso realça a cor e o sabor do prato.

Assim que o feijão estiver macio, tire a trouxinha de temperos e misture o cordeiro cozido na outra panela. Mexa bem, mas com delicadeza para não desfazer as carnes.

Salpique um punhado generoso de salsinha picada e sirva imediatamente em pratos fundos. Esse prato não requer nenhum tipo de acompanhamento. Se você tiver idade suficiente e gostar, uma taça de vinho tinto é o único acompanhamento!

Bom apetite!!!!

Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 4 comments }

MHass September 24, 2016 at 10:59

Obrigada pela divulgação da receita! Gostaria de saber quantos L tem a panela de ferro que você usou. Pela foto, parece bastante com uma das minhas, mas pela receita creio que uma maior seria exigida. Desde já agradeço!

Pat Feldman September 25, 2016 at 19:06

Essas panelas o tamanho é vendido pelo diâmetro e não pelo volume, mas calculo que ela tenha algo em torno de 5 ou 6 litros.

Beth Lourenço September 24, 2016 at 21:22

Olá!! Deve ser muito bom!! Parabéns!
Mas… se quiser acompanhar com uma “brincadeira” para os sentidos, croutons!!
bjss

Pat Feldman September 25, 2016 at 19:05

Pois é, li a sugestão de croutons em algumas das receitas que pesquisei… Tentarei na próxima!

Comments on this entry are closed.

Previous post:

Next post: