Cheguei!!

by Pat Feldman on 30/03/2009 · 5 comments

in Alimentação, MAIS..., Viagem

cimg2671[ratings]

Hoje foi dia de chegar e colocar a casa em dia. Sobrevivemos muito bem na terra do industrializado, nos divertimos muuuuuuuuuuuuito. Na Disney todo mundo volta a ser criança e isso faz bem pra alma!

Mas veja bem, lá a gente entra no clima, é inevitável. Mas relaxar e voltar a ser criança pode ser em qualquer lugar, qualquer pessoa pode criar o clima, brincar e se divertir onde quer que esteja.                 

Hoje tirei o dia para colocar a cozinha em funcionamento novamente – eu só chego de verdade quando a cozinha está funcionando. Meus pais me fizeram o enoooorme favor de ir à feira para mim no sábado e pegar o básico, então cheguei em casa com ovos e leite, o que por si só já faz refeições excelentes, deliciosas e nutritivas. Mas frutas e verduras, além de carne, também fazem parte da nossa rotina alimentar, então fui providenciar. Como perdi a feira dos orgânicos, essa semana quase tudo vem do sacolão, e as opções de orgânicos lá são mínimas, além de caras – mas qualquer fruta e verdura, ainda que não orgânica, é muuuuuuuuito melhor do que os industrializados e congelados da vida. Eu já falei sobre isso AQUI (esse texto merece ser lido sempre, aliás!).

Passei no açougue e encomendei as carnes e ossos para uma boa leva de caldo de carne. Estou sem nada para meu uso e com a caixa de e-mails cheinha de encomendas. O caldo de galinha também já está no forno. Dei sorte de ter encontrado o frango caipira que gosto e confio. O caldo de galinha fica pronto amanhã mesmo – ele fica bem saboroso com menos de 24 horas de cozimento. O caldo de carne fica no fogo até 4a. feira de manhã. Este eu não consigo deixar menos tempo, parece que o sabor não fica tão intenso, e a cor fica meio pálida com menos tempo. Não tão apetitoso.

Tenho muita coisa para constar sobre como se alimentar bem menos mal na Disney, a terra do industrializado, fast food, artificial, tudo pronto, tudo embalado. Não foi fácil e nem barato, mas foi uma experiência, um belo desafio, e na medida do possível, acho que nos saímos muito bem.

Ficamos em hotel, mas uma amiga minha que ainda está lá alugou uma casa. A preocupação dela com a alimentação dos filhos é tanto quanto a minha, mas a dela é ainda mais necessária, já que a filha mais velha dela sofre com múltiplas alergias, que têm sido maravilhosamente bem controladas com alimentação. Por questões sérias de saúde ela precisava de uma cozinha para preparar a própria comida. Nos falamos hoje via MSN e ela me contou que até agora está dando tudo certo e eles estão aproveitando muitíssimo.

Na volta ela vem contar a experiência dela aqui, um pouco diferente da minha.

Eu vou escrever sobre experiências e dicas ainda esta semana, me deixem apenas voltar do mundo da fantasia calmamente, ainda estou com a cabeça na Cinderella!!!!

Fiquei super contente em saber que as inscrições para os meus cursos de culinária estão indo super bem. Ainda existem poucas vagas disponíveis, por isso quem se interessar, não perca tempo!! Leia mais detalhes, clicando AQUI

Os caldos de carne e de frango já estão no fogo:

Caldo de Carne Caseiro em andamento...

Caldo de Carne Caseiro em andamento...

Caldo de frango caipira em andamento...

Caldo de frango caipira em andamento...

Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 5 comments }

Fabiana Ius March 31, 2009 at 10:06

Oi Pat! Eu tive a mesma sensação quando fui pra Disney: não tem como não entrar na fantasia, e é diversão pra TODAS as idades. Quero muito levar minha filha pra lá, mas confesso que o item alimentação me preocupa. Lembro que passei 4 dias só no industrilizado e não quero isso pra ela, e acho qeu atualmente nem eu aguentaria. Então, conta pra gente como se virou por lá!
Beijos e bom retorno!

Marcia Lima Gomes March 31, 2009 at 10:48

Também estou ansiosa por seu post. Viajei o final de semana e acabei dando papinhas industrializadas para o Gabriel. Escolhi da marca Earth Best de alimentos orgânicos para bebês (http://www.earthsbest.com/). Ele adorou, vc acredita? Parece que ele gostou mais do que a papinha q eu preparo em casa… snif, snif, snif.

Pat Feldman March 31, 2009 at 11:45

Marcia, sobre viajar com papinhas, eu já escrevi aqui: http://pat.feldman.com.br/?p=162 Essas papinhas industrializadas devem ter um “algo mais” que a gente não sabe… Eu nunca dei para o meu filho, mas TODAS as mães que dão têm a impressão de que os pequenos as preferem!

Maria Christina de Sousa March 31, 2009 at 11:02

Hi Pat,

Tão logo sua cozinha esteja a pleno vapor e as malas desfeitas, escreva de-ta-lha-da-men-te como a família se virou no terra dos industrializados.

Dia 13/04 embarco para a Patagônia Argentina para mais um trekking.
Nas viagens anteriores sofri muito com crises de enxaqueca e gostaria que dessa vez fosse diferente.

Apesar do risco de não passar na alfândega vou tentar levar pão feito em casa, aveia integral, granola e o que mais der na mochila.

Trekking é uma atividade física mui prazeirosa mas também desgastante. Após 7 ou mais horas de caminhada ininterrupta, quando se chega ao destino final estamos varados de fome e cansaço. Nessas horas o velho, rápido e industrializado Miojo com molho, linguiça e muiiiiito queijo torna-se uma iguaria ao nosso paladar, mas comê-lo agora vai ser difícil.

Pat Feldman March 31, 2009 at 11:43

Maria Christina, que delícia!!! Nunca fiz trekking, mas morro de vontade!!! Vou dar uma dica valiosa desde já: ÓLEO DE COCO!!! É perfeito para dar energia e saciar aquela fome de leão depois de um dia inteiro de atividades fortes. Tente o pão caseiro, mas não se esqueça do óleo de coco. Se você levar uma embalagem nova, lacrada, dificilmente o pessoal da alfândega vai encrencar.

Boa viagem!! E loguinho eu venho contar as novidades!

Comments on this entry are closed.

Previous post:

Next post: