Conserva de Cebolas

by Pat Feldman on 04/03/2008 · 22 comments

in Conservas Caseiras, DIETA FELDMAN ANTIENXAQUECA, RECEITAS

Aproveitei o domingo de sol, alguns amigos em São Paulo e resolvi fazer um churrasquinho na minha varanda. Nada demais, porque a minha varanda é realmente pequena!

O cardápio dos meus churrascos não costuma variar muito, e desta vez tivemos queijo de coalho grelhado como aperitivo, picanha, farofa simples (que desta vez ganhou cebolinhas verdes picadas) e salada de batatas. A novidade foi esta conseva de cebolas, feita através do método de lactofermentação. Os alimentos lactofermentados são perfeitos para acompanhar carnes em geral, já que ajudam muito na digestão.
O sabor desta conserva não lembra nem um pouco o excesso de vinagre presente nas conservas comuns. É um gostinho meio azedo, mas ao mesmo tempo bastante suave. Ideal que as crianças se acostumem a este tipo de alimento desde muito cedo – a saúde só tem a ganhar!

Ingredientes:

1 kg de mini-cebolas (cebolinhas pérola é como eu chamo…)

1 pau de canela (com cerca de 5 a 10cm)

1 noz moscada pequena, quebrada em vários pedaços (esta é uma tarefa difícil, eu troquei por alguns pedaços de “mace”, que é a casca da noz moscada)

2 colheres de chá de cravo

1 colher de chá de pimenta verde

1 colher de chá de pimenta rosa

1 colher de sopa de tomilho desidratado

1 colher de sopa de sal não refinado

4 colheres de sopa de soro de iogurte

1 xícara de água filtrada

Modo de preparo:

Descasque as cebolas e jogue-as em água fervendo por 10 segundos. O choque térmico as deixará macias, porém ainda crocantes.

Coloque as cebolas em um pote de vidro com tampa e adicione os demais ingredientes.

Acrescente mais água filtrada se necessário – as cebolas devem ficar completamente cobertas pelo líquido. Atente porém ao fato de que o líquido não deve ultrapassar a altura de 2 centímetros do topo do pote.

Tampe e deixe descansar à temperatura ambiente por 3 dias.

Transfira para a geladeira e consuma depois de 10 dias. Esta conserva dura até 6 meses na geladeira (o livro de onde ela foi inspirada garante que graças à lactofermentação ela dura até mais. 6 meses foi o que eu testei e é o que posso garantir!)

Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 22 comments }

jadir da luz July 24, 2008 at 13:22

eu gostaria de comer da cebola em concerva conforme tal receita.
me informe se existe algum lugar que possa faze-lo.

Raquel F A Tetzlaf December 28, 2008 at 20:15

Estou adorando seu site, bem como o de enxaqueca, gostaria de fazer esta conserva, como adquiro o soro do iogurte?

Um grande abraço

Pat Feldman December 28, 2008 at 21:36

Olá Rafael, nesse link eu explico direitinho como obter o soro de iogurte: http://pat.feldman.com.br/?p=44

Se você mora em São Paulo pode também comprálo pronto através aqui do site. É só entrar em contato comigo através deste link: http://pat.feldman.com.br/?page_id=1091

Giselle Lima March 18, 2011 at 12:30

Pat, estou amando seu site e sempre copiando e tentando fazer suas receitas. O sal não refinado q vc usa na conserva de cebolas é o sal francês “Sél de Guérande”? Obrigada

Pat Feldman March 18, 2011 at 15:32

Giselle, esse mesmo!

Danielle Neves October 15, 2011 at 23:46

Oi Pat!

Tudo bem? Estou amando o leite e o iogurte…. que delícia! Agora estou fazendo o processo do cream cheese + whey =D

Nesta receita, nao serve a noz moscada em pó? E o sal, pode ser o marinho?

Pimenta verde e rosa sao em pó?? Nunca as vi no supermercado (ou nao me atentei)..é facil de encontrar?

Bjs,

Dany

Pat Feldman October 16, 2011 at 8:39

Dany, a noz moscada perde o aroma muito rápido depois de moída, então o legal é comprar as castanhas de noz moscadas e ralar na hora. É fácil de encontrar na maioria dos supermercados e feiras, e você pode ralar usando aquela parte mais fininha do ralador comum.

A pimenta verde e rosa vêm em grãos, que você amassa com as mãos mesmo. A pimenta rosa é mais fácil de achar do que a verde, mas se você fizer um passeio ao Mercadão, capaz de encontrar as duas!

Danielle Neves October 16, 2011 at 20:39

E o sal…. qual a diferença entre esse francês o marinho?? Posso usar o marinho??

bjssss

Pat Feldman October 16, 2011 at 22:26

O nosso marinho é mais refinado. Ele serve para fazer as conservas, mas é mais pobre em minerais!

fabiana August 1, 2013 at 15:22

Pat como fazbeterrabas em conserva?

Pat Feldman August 1, 2013 at 18:47
Paulo Alvarenga November 9, 2013 at 13:31

Olá. Meus parabéns pelo seu site, é muito bom.
Eu gostaria de saber se no lugar do soro do iogurte eu poderia usar aqueles leites fermentados (tipo yakult)?

Pat Feldman November 13, 2013 at 17:34

Não Paulo, porque esses leites fermentados normalmente contém acúcar, flavorizantes e corantes que podem atrapalhar não só a fermentação, como também o paladar final da conserva.

Andrea February 5, 2014 at 12:38

Pat… tô fazendo a cebola em conserva e queria saber se pode usar o próprio iogurte ao invés do soro… vi que em algumas receitas vc faz isso… ou estou errada???
Obrigada!!!

Pat Feldman February 5, 2014 at 17:11

Andrea, até pode, mas a aparência da conserva não fica tão legal, porque o líquido fica mais turvo. Mas tecnicamente, pode sim.

Andrea February 5, 2014 at 21:14

Obrigada Pat…

Gabriela August 25, 2015 at 8:42

Olá Pat!
Primeiro gostaria de te parabenizar pelo site que é realmente maravilhoso! Adoro cozinhar, principalmente comida de verdade :) Fiquei na dúvida se mesmo sendo necessário acrescentar mais água, a quantidade de soro de leite continua a mesma ou se aumenta proporcionalmente.
Obrigada!

Pat Feldman August 25, 2015 at 19:19

Continua a mesma quantidade.

Vanessa September 30, 2015 at 8:20

Comprei o sal aqui http://aromalife.com.br/doce-limao/kit-sal-marinho-com-ervas-95.html
Mas digitando flor de sal mossoró no google encontrei outra loja com mais variedades.

Débora February 21, 2016 at 10:23

Olá Pat!!
Gostaria de fazer está receita hoje. Como tenho problemas de intolerância a lactose, posso usar o free lactose? Quanto ao tomilho posso colocá-lo fresco?

Espero que me responda.

Obrigada.

Pat Feldman February 21, 2016 at 19:23

Em lugar do soro, coloque uma colher a mais de sal.

Débora February 21, 2016 at 10:26

Também não consegui encontrar ainda o sal que você usa aqui em Bh. Posso enquanto não o encontro substituí-lo pelo sal grosso.
Abs.

Comments on this entry are closed.

Previous post:

Next post: