Dicas para fazer da refeição em família um momento de muito prazer

by Pat Feldman on 14/09/2015 · 9 comments

in Alimentação, ARTIGOS

Nos tempos corridos em que vivemos hoje, uma refeição em família, daquelas gostosas, reunindo pa, mãe, filhos e eventuais agregados (avós, tios, primos, namorados, etc) tem se tornado cada vez mais um artigo de luxo.

Cada um tem um horário diferente, cada um tem uma fome diferente, gostos diferentes, interesses diferentes, e assim a casa vai deixando de ser um lar e vai virando um hotel, daqueles que a pessoa praticamente só passa para tomar banho e dormir. Come-se qualquer coisa pronta que tiram do freezer e colocam no microondas, sentam-se na frente da televisão ou do computador e come-se sozinho e sem saber direito o que se está comendo…

Infelizmente mudar isso não é tarefa das mais fáceis. Seu chefe provavelmente não vai entender se você falar que quer tirar mais de uma hora para o almoço (alguém ainda consegue ter uma hora inteirinha para almoçar??), para ir almoçar em casa, com os filhos, degustando a comidinha feita em casa, fresquinha… Seu chefe quer produtividade máxima, e fora do ambiente de trabalho talvez ele não ache que você vá render tanto assim (coisa que eu discordo, já que funcionário feliz e relaxado rende mais em menos tempo).

Mas voltemos à realidade: cada um sai de casa num horário, cada um chega num horário, cada um tem mais o que fazer, e a refeição em família, um momento tão importante, fica de lado, completamente esquecida. Mas isso não deveria, não poderia acontecer!!!

Você tem seus compromissos com trabalho, escola, amigos, cursos e reuniões, certo? Faça da refeição em família seu principal compromisso! Se não dá para ser todos os dias, todas as refeições, paciência, mas escolha um dia da semana, pelo menos uma refeição, e marque esse compromisso com a sua família. Nesse dia, de preferência cozinhando em casa, juntos, vocês preparam a comida, almoçam com calma, conversam sobre os acontecimentos, sobre cada um de vocês. É um tempo que a gente tem que tirar para s conhecer de novo, para saber da vida do outro, dos amigos, dos estudos, do trabalho. hora de relaxar com as pessoas mais importantes da nossa vida, hora de interagir. Uma hora super importante!

E o mais legal disso tudo é que quando você marca esse compromisso, você marca também um compromisso com a saúde física e mental da família toda. Com todos comendo juntos, uma comidinha preparada em casa, as chances da refeição ser mais saudável aumentam muito. O momento de relaxamento faz bem ao corpo e ao espírito.

E para estimular ainda mais esse momento tão importante para a família, deixo algumas dicas de como tornar o evento – a refeição em família – um momento muito especial e muito esperado.

  1. Faça da refeição em família uma prioridade na sua vida. Se não dá pra ser todos os dias, que seja ao menos uma vez por semana.
  2. Planeje essas refeições em família com antecedência. Escolha um cardápio que agrade a todos, bem saboroso e, de preferência caseiro.
  3. Crie um ambiente agradável: um música suave ao fundo, mesa bem posta, iluminação agradável e aconchegante (fuja das lâmpadas fluorescentes na sala de jantar ou copa) e, se der, flores decorando o ambiente.
  4. Não invente pratos complicados demais (a não ser que você seja um grande chef). A idéia não é ter um trabalhão, mas sim momentos de muito prazer. Envolva as crianças do jeito que der no preparo da comida e do ambiente.
  5. Escolha opções nutrtivas e saborosas. Dá pra fazer muita gostosura em casa, só com ingredientes frescos e saudáveis. CLIQUE AQUI e confira as inúmeras receitas que já publiquei!
  6. Se agora você só consegue se comprometer com uma refeição por semana em família, faça planos para aumentar essa frequência assim que der. Faça tudo ser o mais gostoso possível e deixe aquele “gostinho de quero mais”!

Bom apetite!

Conheça também as nossas redes sociais:

Instagram: @pfeldman

Facebook: Comida de Verdade, por Pat Feldman

Periscope: PatFeldman

Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 5 comments }

Fernanda April 24, 2011 at 19:26

Paty, eu amei esse post de hj!!!
Apesar de comentar pouco, adoro o site e me inspira muuito – tipo daquelas “quando for mãe quero ser como vc”…..rsrs.
Eu prezo muito a família e acho muito importante o momento das refeições! Parece que é realmente um momento em que as pessoas ficam mais à vontade para contar sobre o dia, ou o que está acontecendo em sua vida. Estender a refeição com uma boa conversa é uma delícia e se torna um momento bem prazeiroso! Hoje em dia, meu marido e eu morando longe da nossa família (nos faz mta falta) mas curtimos muito nossas refeições e gostamos de reunir os amigos sempre que podemos.
Quando tivermos filhos iremos passar, e praticar, esses valores importantes para eles tbm!.
Um bom fim de páscoa pra vc e sua família
Bjs Fe

aparecida April 25, 2011 at 14:14

Gostei das dicas!! E falando nisso, talvez vc possa me ajudar, é q meus cabelos estão caindo muuuuito. Tive bebê há quatro meses e há alguns dias meus cabelos começaram a cair, sempre tive problemas c a queda de cabelo e estava tão feliz q finalmente eles estavam longos como eu gostaria e sem cair nem um fiuzinho; é um tormento cai até sem pentear. tive parto normal e estou tomando uma vitamina chamada COMBIRON FÓLICO.
Vc tem alguma receitinha de chá p dor de barriga p bebê, acho q devo está comendo alguma coisa q está deixando minha bebê assim, c um pouco de diarréia ela só toma leite materno. bjs e obrigado.

Pat Feldman April 25, 2011 at 14:45

aparecida, eu também tive muita ueda de cabelo logo aós a 1a. gravidez. A minha médica me sugeriu tomar levedura de cerveja por uns tempos.

Adriana Freire September 17, 2013 at 11:51

Pat, pesquisei sobre levedura de cerveja no seu site e vi algumas indicações mas nenhuma “advertência” específica, daquelas que a gente adora, como a pré-fermentação dos grãos. Então, fiquei com as seguintes dúvidas: Você conhece alguma recomendação específica para o consumo de levedura de cerveja? Pode-se consumir essas cápsulas/comprimidos vendidos em lojas naturais e supermercados? Há alguma marca ou forma de consumo (em pó, por exemplo) que você ache melhor ou mais saudável?

P.S. sua recomendação do óleo de fígado de bacalhau da green pasture, como já mencionei em outro post, é ótima.

Vanessa September 18, 2015 at 10:56

Oi, gosto muito do seu site, com informação de qualidade e gistaria de uma opinião. Voltarei a trabalhar em pouco tempo e minha bebê estará com um pouco mais de sete meses. Gostaria de alguma ideia de alimentação líquida para dar no copo com bico, pois amamentarei ainda em casa, mas fico preocupada com o que dar durante o dia e não quero de jeito nenhum dar essas fórmulas infantis cheiss de porcarias pra ela. Queria uma ideia pra conversar com o pediatra.

Comments on this entry are closed.

{ 4 trackbacks }

Previous post:

Next post: