Equipando a sua cozinha

by Pat Feldman on 08/03/2014 · 29 comments

in ARTIGOS, Dicas de Cozinha, Utensílios de cozinha

CozinhaQuem me acompanha aqui no site e nas minhas redes sociais (Instagram, Twitter e Facebook) já deve ter notado que adoro experimentar equipamentos novos para facilitar a minha vida na cozinha. E muitas vezes esses equipamentos nem facilitam taaaanto assim, mas como eu uso muito e sou novidadeira, acabo investindo neles.

E creio que por causa disso muita gente pense que para conseguir fazer comida de verdade em casa seja necessário ter um monte de equipamentos, um monte de panelas, um fogão espetacular e uma cozinha enorme. É verdade que tudo isso até pode ajudar – uma cozinha linda e grande no mínimo vai te deixar com vontade de usá-la -, mas a verdade verdadeira é que se você quiser de verdade, precisa de muito pouco na cozinha para fazer a sua comida de verdade. Qualquer coisa a mais é luxo!

A minha cozinha não é exatamente minúscula, mas está bem longe de ser uma cozinha enorme, que muita gente deve pensar que eu tenho. Chega a ser engraçado quando alguém me visita pela primeira vez e vai conhecer a minha cozinha. A reação é sempre parecida com: “Nossa, mas tua cozinha nem é grande!! E como você consegue fazer tanta coisa nela??” É gente, a minha cozinha está longe de ser espaçosa, mas com jeitinho e boa vontade, eu faço maravilhas nela, e sei que querendo, conseguiria fazer até em cozinhas menores!!

Para fazer comida de verdade você precisa basicamente de uma ou duas bocas de fogão (eu prefiro bocas à gás, mas se não tiver como, uso aquelas elétricas mesmo). Para muitos pratos um forno ajuda, e ele nem precisa ser grande (a menos que você pense em assar um pernil por semana…) – se o espaço for realmente um problema para você, aqueles mini forninhos de mesa podem não caber tudo, mas ajudam muitíssimo. Outra coisa que eu uso bastante é um bom liquidificador, mas atualmente o mercado oferece modelos de mixer ainda mais interessantes, em que apenas trocando peças pequenas, você tem no mesmo aparelho (também bem pequeno) um liquidificador, uma batedeira e um mini processador. Olha o tamanho da ajuda!!!

Microondas eu não tenho e não recomendo, e o dia que você se livrar do seu, vai se espantar com o enorme espaço que ele ocupa – o velho e bom banho-maria é muito mais saudável e não ocupa espaço algum!!

As panelas são outra questão: compre as melhores, para que você não precise comprar panelas novas a toda hora. E compre apenas os tamanhos que você tem certeza que vai usar bastante. Eu sugiro inclusive investir primeiro em no máximo duas ou três, de tamanho médio, e depois aumentar a quantidade de acordo com a sua real necessidade, e a sua real necessidade você só vai conhecer depois que começar a cozinhar. Panelas boas são caras, bem caras, mas se forem realmente boas, você compra apenas uma vez e elas duram para o resto da vida!

O capítulo facas, que não ocupam espaço mas são itens importantes, também deve ser pensado. Durante muito tempo eu não me achei merecedora de facas excelentes, simplesmente porque nunca fui muito cuidadosa com facas e facas boas são boas, mas não milagrosas. Se você não cuidar, elas perdem o fio como qualquer outra. Daí eu gastei muito com facas mais simples, gastei com diversos modelos de afiadores e quando finalmente tomei vergonha na cara e cuidei melhor das minhas facas, ganhei uma super faca de presente (obrigada Jeff!). Se você nunca usou facas afiadíssimas, comece com uma ‘normal’, até que você aprenda a afiar, cuidar, lavar, etc e merecer uma faca realmente boa e poderosa.

Talvez alguns chefs e grandes cozinheiros não concordem comigo agora, mas se você é apenas uma mãe e dona de casa (sim, porque mesmo quem trabalha fora o dia todo pode ser dona de uma casa) que quer cozinhar no dia a dia, você não precisa de um super jogo de facas, completíssimo, com uma faca para cada tipo de corte, para cada tipo de carne ou para cada tipo de humor. Isso sai realmente muito caro e você só deve investir se for realmente usar MUITO (e se quiser se exibir um pouquinho, hehehe). Mas para o dia a dia o que você precisa é de uma boa faca afiada e uma menor de serrinha (pelo menos na realidade da minha cozinha é assim).

Para armazenar sua comida de verdade o ideal é que você possa ter uma boa geladeira e um bom freezer, porque comida de verdade, sem aditivos ou conservantes, estraga mesmo, assim manda a natureza! O problema é que a maioria dos apartamentos de hoje em dia tem cozinhas minúsculas, o que dificulta um pouco a vida. Nesse caso, abuse da fita métrica e dos cálculos, pesquise muito e invista no maior modelo que seu espaço permitir. Olhe e pesquise, porque nem sempre a maior geladeira em dimensões é a que tem maior espaço interno.

E agora vamos falar das “futilidades”, aquelas maquininhas e forminhas e outras coisinhas que você pode perfeitamente viver sem, mas que se você realmente for usar e tiver espaço para guardar, vale a pena comprar. Eu teria que ter uma cozinha do tamanho do apartamento inteiro para ter tudo o que eu quero!!

Tem de tudo: furador de coco, faca de tirar miolo de maçã ou abacaxi, mandolina, que fatia e corta nas mais diversas espessuras, processador simples, processador incrementado, ralador nos formatos mais exóticos, tábuas de corte de todos os tamanhos e materiais (a minha favorita é de bambu), xícaras e colheres medidas (essa é uma boa pra quem está começando na cozinha, ajuda a dar uma noção melhor de quantidades), moedor de carne, moedor de grãos, máquina de macarrão, máquina de linguiça, sorveteira, panelas elétricas, máquina de pão, centrífuga, etc… A lista de “cacarecos culinários” é infinita, e para quem gosta de brinquedinhos (como eu), a tentação é enorme!!! Mas antes de comprar qualquer item supérfluo, pense muito bem em quanto vai usá-lo, se tem espaço para guardá-lo e quanto custa, se o investimento vale a pena. Eu já comprei alguns itens dos quais me arrependi depois, ou porque usei muito pouco, ou porque eram verdadeiros trambolhos que não cabiam direito em lugar nenhum, ou porque eram muito chatos para lavar depois de usar. Agora aprendi a regra preciosa: NÃO COMPRE POR IMPULSO!!

E lembre-se: uma cozinha pequena precisa mesmo é de geladeira e fogão, por menores que eles sejam. Com pouco espaço você talvez não consiga fazer muito para armazenar, mas você consegue sim fazer o que precisa, que é comida de verdade!

Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 29 comments }

Márcia March 8, 2014 at 10:52

Oi Pat!
Adorei o seu artigo. Por muitos anos eu não precisei cozinhar, mas agora a vida mudou e eu quero mais saúde e portanto vou passar a cozinhar. Como estou mudando muitas coisas na cozinha gostaria de saber que tipo de paneas você indica. São tantas opções (ágata, ferro, alumínio, aço inox, cerâmica) que não sei qual delas devo comprar.
Outra dúvida, para amrazenar a comia no freezer ou na geladeira o que é melhor: potes de plástico ou vidro?
Super obrigada pelas dicas.
Bjs

Helena March 8, 2014 at 16:17

Oi Pat!
Eu uso muito as panelas esmaltadas, as de pedra e as de barro. O que vc acha?
abraços
Helena

Pat Feldman March 8, 2014 at 18:08

Helena, o problema pra mim é o esmalte, do qual não sei a composição e não sei se libera alguma toxina.

Li March 12, 2014 at 16:37

Pat, sou formada em técnico em cerâmica e os esmaltes, se não forem de cores azul ou vermelho e ainda vierem indicando que são isentos de chumbo e cádmio ou ainda que foram fabricados com matéria prima fritada, não liberam nada. (Isso vale para louças que podem ir ao forno também, é o mesmo tipo de esmalte)

Pat Feldman March 12, 2014 at 19:07

Ótima informação! Obrigada!

nilze March 9, 2014 at 11:13

Oi Pat, eu tenho aquelas panelas da Sillit, alemãs, que vc acha, são boas mesmos, pois são caras.

Pat Feldman March 9, 2014 at 18:58

Nilze, cuidado! Caro nem sempre significa bom!!! Eu não conheço detalhadamente essas panelas da Sillit, então não posso opinar.

Ana March 10, 2014 at 7:44

Pat, bom dia, já gastei muito dinheiro com panelas e facas e gostaria, se possível, que você com mais experiência me indicasse panelas e facas boas.
Obrigada,

Ana

Pat Feldman March 10, 2014 at 9:17

Ana, vou te contar o que tenho em casa, com o que me dei bem. Uso panelas de ferro da Staub há mais de 8 anos e estou super satisfeita com elas. Para preparar os caldos, que exigem panelas bem maiores, uso as de inóx da Tramontina. Das facas grandes eu tenho WMF e Zwilling e gosto muito das duas. As de serrinha, menores, compro as mais baratas de supermercado, porque essas não tem como afiar, daí eu prefiro pagar menos e trocar de vez em quando.

Ana March 10, 2014 at 14:06

bjs e obrigada… você sempre muito atenciosa e competente

Ana

Danila March 10, 2014 at 9:51

Pat aqui em casa vivo numa briga constante com as facas, rsrs.
Me dê dicas do que NÃO fazer para mantê-las afiadas.
Meu marido diz que cortar cebola faz perder o fio. Eu vivo dizendo pra ele que isso é lenda, mas no fundo fico com dúvida, rs.
Afinal… como manter as facas afiadas??

Bjo

Pat Feldman March 10, 2014 at 15:44

Danila, eu não sei dessa história da cebola, e se elas perdem o fio com cebola, como cortá-las?? Um dos cuidados mais fundamentais é usar e lavá-las em seguida, sem muito sabão ou detergente e secar muito bem. Para guardar, aqueles suportes individuais ou aquelas barras magnéticas (é o que eu tenho em casa), porque se as facas ficam na gaveta, qualquer atrito entre uma e outra pode prejudicar o fio.

Abadia Pavan March 10, 2014 at 13:54

Pat,

Boa tarde!
Uso panelas de inox e panelas de uma marca koreana, que gosto muito, da Neoflan.
Gosto muito das duas!
Estou tentando saber como comprar com você a baunilha e não consigo mandar e-mail, nem pelo site, nem pelo facebook.
Pode me dizer se posso ir até sua casa para buscar?
Moro na Lapa em São Paulo.
Obrigada!
Abadia Pavan

Pat Feldman March 10, 2014 at 15:41

Abadia, me escreve nesse e-mail: patricia@enxaqueca.com.br

Fabiana Bertini March 10, 2014 at 13:56

Pat, seria muito legal se vc pudesse fazer uma lista das “futilidades” que vc realmente usa e que facilitam o seu dia-a dia! Seria uma ótima maneira de guiar a compra de quem está começando a cozinhar mais em casa, e quer facilitar o processo. Obrigada!

Pat Feldman March 10, 2014 at 15:40

Fabiana, posso até fazer isso, claro! Mas fico com medo do pessoal sair comprando e depois não usar, e eu detesto desperdício de dinheiro!!! Tem coisas que a gente acha lindo na cozinha dos outros, deseja, mas que só usa mesmo depois que cozinha muito, muitíssimo.

Fabiana Bertini March 11, 2014 at 14:16

Eu entendo o seu ponto de vista Pat, mas mesmo assim adoraria receber uma ajuda como esta, justamente para evitar comprar coisas que no final acabarei não usando, já que a experiência que tenho ainda não me ajuda a decidir muito bem o que comprar. Vejo tantas coisas, mas sempre fico na dúvida se aquilo será útil mesmo, mas acho que acabo deixando de comprar o que seria bom e comprando o que nem ajuda tanto e só toma lugar na cozinha. Eu usaria a sua lista e tentaria pensar no que faria diferença e facilitaria a minha vida, dentro da minha rotina. Talvez se vc explicar isso no post, evitaria a confusão de incentivar a compra sem necessidade. O que vc acha? É só uma idéia! Bjs pra vc e obrigada por ser sempre tão atenciosa com todos!

Pat Feldman March 12, 2014 at 5:15

Vou pensar no assunto Fabiana, prometo!

Fabiana Bertini March 14, 2014 at 13:31

Legal Pat! Obrigada! Bjs!!

Iana March 10, 2014 at 14:54

Desde que comecei a te seguir, percebi que geladeira com amplo espaço interno era um dos principais itens da cozinha. Estou me programando para trocar a minha assim que possível.
Obrigada.

Luiz March 12, 2014 at 14:02

Oi Pat, gostaria de maiores informações em relação ao mixer que citou, que seria quase um 3 em 1 com liquidificador, batedeira e mini-processador. Tem algum, ou alguns modelos que indicaria?

Minha cozinha tem pouco espaço, e ando querendo comprar uma batedeira, mas tenho medo da batedeira mais atrapalhar do que ajudar, já que não sei se a usarei muito. Esse mixer ajudaria bastante, se funcionar bem como batedeira.

Muito obrigado!

Pat Feldman March 12, 2014 at 19:13

Oi Luiz, eu tenho em casa esse modelo e sempre achei ótimo: http://www.fastshop.com.br/loja/mixer-e-mini-processador-vertical-inox-cuisinart Massssssss, quando uma das peças quebrou, a peça nova custava quase o preço de um mixer novo…
Aí no carnaval fui passar uns dias no apartamento dos meus pais na praia e usei o mixer deles, um modelo um pouco menos potente, bem mais barato e que me deixou bastante satisfeita. Deve ser um modelo antigo da Arno, que tem os mesmos acessórios do modelo acima, mas não achei nem no site da Arno.

Pat Feldman March 12, 2014 at 19:14

Se eu fosse escolher uma marca/modelo sem olhar o preço, sem dúvida escolheria a KitchenAid, marca que nunca me decepcionou!

Alessandra September 10, 2014 at 12:18

Bom Dia Pati , gostaria de comprar um mandolin ( mandolina ou mandoline…rsrs . Já vi escrito de várias formas e não sei o correto!! ) . Qual marca você sugere ? Já vi em algum post sobre esse assunto mas não estou conseguindo achar . Obrigado !!!!

Pat Feldman September 10, 2014 at 19:30

Alessandra, nem faz tanto tempo que eu comprei meu primeiro mandolin, e por recomendação de uma amiga, comprei o da OXO. Estou bem satisfeita com ele. Aqui no Brasil é super caro, nos EUA custa em torno de US$70.

Ale March 26, 2015 at 16:43

Boa tarde Pat!!!
Vi que você colocou algumas marcas de processador de alimentos nos comentários. Faço tudo na mão ou com raladores simples. Mas por um “lindo ” linfedema que aparece no meu braço às vezes…estou pensando em comprar um desses que pica, corta, bate. Ele só não precisa falar!!!! Você indica algum outro?me falaram da Philips Walita, conhece algum?
Abraço

Pat Feldman March 27, 2015 at 9:16

Ale, eu tenho um da KitchenAid e gosto muito.

Silvia Canelada October 6, 2016 at 13:51

Oi Pat, comprei panelas Staub e gostaria de saber se é necessário cura-las antes do primeiro uso… Vi num blog que deve se besuntar com óleo e levar ao forno baixo por 1 hora e repetir mais duas vezes…E isso mesmo? Como você faz? Ah obrigada por indicar a loja! Tive o desconto cfe o post. Grata!

Pat Feldman October 6, 2016 at 19:14

oi Silvia! É preciso curar antes sim, mas não precisa uma hora de fogo não. Besunta com óleo (eu uso o de coco) e deixa uns 10-15 min em fogo baixo. Depois é só tirar o excesso com papel toalha. Pra lavar, só sabão de coco e o lado macio da bucha.

Comments on this entry are closed.

Previous post:

Next post: