Pesto de Rúcula

by Pat Feldman on 29/10/2013 · 2 comments

in DIETA FELDMAN ANTIENXAQUECA, Molhos, Para salada, RECEITAS

Screen Shot 2013-10-29 at 14.17.43O pesto original é um molho típico da região da Liguria, Itália, e é preparado à base de folhas frescas de manjericão, azeite e outros temperos – eu já publiquei a minha receita AQUI. Com o tempo, e a criatividade dos cozinheiros, esse delicioso molho ganhou variações bastante interessantes. Há algum tempo eu preparei um pesto de coentro com nozes, que eu adoro tomar com sopa de abóbora, mas que não faz muito sucesso aqui em casa.

O pesto de rúcula eu resolvi experimentar meio sem querer, numa semana em que eu comprei rúcula demais para apetite de menos. O fim da semana chegou e as lindas folhas de rúcula orgânica começaram a amarelar por falta de serem usadas. Poxa, mas jogar essas folhas lindas no lixo seria um pecado!! Aí resolvi experimentar transformar em molho pesto, e foi a melhor coisa que eu fiz, ficou uma delícia!!! Aliás, para mim foi um ótimo jeito de aumentar o consumo de rúcula, que não é o meu ‘verdinho’ favorito.

Me dando uma certa liberdade criativa, sempre que preparo um molho pesto, não me prendo à receita original, em que se usa pinoli – eu me permito usar nozes, pecans, castanha do Pará, macadâmia, amêndoa ou qualquer outra noz ou castanha que eu tenha em casa. Mesma coisa com o queijo, que na receita original é o pecorino (similar ao parmesão, mas feito com leite de ovelha). Aqui em casa em geral eu opto por um bom queijo parmesão, mas nessa receita usei um queijo da Canastra super curado. Importante que seja um queijo duro, de cura longa, que tem o sabor levemente picante.

O pesto de rúcula você usa como usaria o pesto de manjericão: em saladas, sopas, massas e até para finalizar um risoto, como eu fiz hoje.

Com todas as minhas liberdades, a receita (deliciosa) ficou assim:

Ingredientes:

3 xícaras cheias de folhas de rúcula orgânicas lavadas e muito bem secas

2 a 4 dentes de alho médios descascados

1/2 colher de chá de sal

pimenta do reino à gosto

1/4 de xícara de macadamias crocantes (prepare como as pecans crocantes)

1/4 de xícara de  queijo Canastra curado

1 xícara de azeite de oliva extra-virgem (aproximadamente)

Modo de Preparo:

Coloque as folhas de rúcula lavadas e secas no processador (você pode usar o liqüidificador, mas com processador é mais fácil). Use a função “pulsar” até que as folhas estejam completamente picadas.

Adicione o alho, sal as macadamias (ou pecans) e o queijo. Bata bem.

Adicione o azeite de oliva aos poucos, até atingir a consistência desejada.

O pesto de rúcula pode ficar guardado na geladeira por vários dias, em um recipiente bem fechado.

Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 2 comments }

Janete Palma October 30, 2013 at 11:00

Olá, Patrícia

Bom dia!

Uma das folhas que eu mais gosto é a rúcula. Aliás, amo rúcula.
Porém, dois médicos já me falaram que a rúcula não é boa para quem tem problemas urinários. Ele até prejudica quem está com infecção urinária.
De fato, houve uma época que eu comia muita rúcula, e tive problemas.
Agora, só como uma vez por semana, então vou experimentar a tua receita.

Abraços!

Kelly Stein October 30, 2013 at 12:55

Hum, boa!!! vou tentar, rúcula também não faz parte das minhas folhas prediletas.
Coincidência. Acabei de preparar no almoço um pesto com salsinha, alho e azeite – para comer com batatinhas cozinhas. Fica bem picante, as crianças dão só uma “sujadinha” na batata porque acham que fica muito “ardida”. *rs
Obrigada pela dica!!!
bjs,

Comments on this entry are closed.

Previous post:

Next post: