A Reta Final

by Pat Feldman on 30/06/2010 · 28 comments

in Gravidez, MAIS...

Estamos finalmente terminando o mês de junho para entrar em julho, o último e mais pesado mês da gravidez. Eu não sei se tinha me esquecido de como era, se essa gravidez está mais pesada ou se é um pouco dos dois, aliado a muito trabalho, mas tenho andado simplesmente EXAUSTA!

Tenho procurado me alimentar bem direitinho, mas devo confessar que fico cada dia mais preguiçosa até para tomar um copo de água. Pegar no sono não anda sendo tarefa das mais fáceis, mas tenho sorte de, uma vez que duromo, APAGO completamente e só acordo no dia seguinte, completamente refeita.

A casa finalmente está ficando com cara de bebê novo! Essa semana o “mini-quarto” do bebê, que até então era um depósito de restos de reforma, ganhou uma super faxina, berço, cômoda e abajur. Ainda essa semana (espero) ganhará colchas, protetores, “cama de mamãe” (de mamãe, porque babá aqui em casa não tem vez, cargo inexistente!!). As roupinhas – novas e umas poucas heranças do meu mais velho – estão sendo lavadas, arejadas e guardadas.

A mala da maternidade AINDA não está pronta, mas pelo menos está pensada. Enfeite de porta de lembrancinhas para a maternidade? Nem pensei nisso ainda!!! Será que vai ter? Eu adoro esses pequenos caprichos e por mim faria tudo e mais um pouco, mas ao mesmo tempo não quero “fazer por fazer” e não quero (e nemposso…) pagar todo o dinheiro do mundo por isso. Na primeira gravidez eu tive mais tempo então preparei eu mesmo potinhos de compota de damasco com abacaxi e com ajuda embalei cada potinho em mini sacolinhas fofíssimas com um cartãozinho de agradecimento mais fofo ainda, escrito a mão. Só esqueci de fotografar, mas garanto que ficou fofo e nem foi um trabalhão assim tão grande, além de ter custado pouco!

O querido site Crianças na Cozinha, em meio a esse turbilhão de coisas, acaba ficando meio abandonado, com pouquíssimas ou nenhuma novidade por vários dias, mas a minha cozinha, a Cozinha das Crianças de zero a cem anos, apesar de ligeiramente preguiçosa, não para!!! Nunca tive tantas encomendas de caldos caseiros e pães de queijo. Com as encomendas de caldos estou acostumada, mas a quantidade de pedidos de pães de queijo é que surpreende (por tantos pães de queijo feitos de uma só vez, descobri alguns detalhes importantes sobre o preparo, vou comentar ainda essa semana)! Vou fazendo devagarinho, mas faço tudinho, adoro cozinhar, não tem jeito!

A propósito, gostaria de aproveitar o espaço para me desculpar com muitos leitores que andam me escrevendo e-mails e não estão recebendo respostas. Eu estou lendo todos os e-mails, um por um, mas simplesmente não ando dando conta de responder a todos. Eles estão guardadinhos na minha caixa de entrada e serão respondidos, o quanto antes!

Sonda de relactação em ação. Me parece mesmo uma excelente opção!

Os preparativos para o bebê vão além de quarto e roupas. Eu não consegui amamentar meu primeiro filho, mas adoraria que fosse diferente dessa vez, por todas as razões do mundo. Não precisa nem ser muito inteligente e nem entender muito do assunto para saber que leite materno é o alimento ideal para os bebês recém-nascidos. Eu fico muito tranquila porque, caso não tenha produção de leite novamente, não precisarei apelar para fórmulas artificiais. Na época meu marido pesquisou muito e chegou a duas fórmulas naturais maravilhosas (ESTA AQUI e ESTA OUTRA), que adaptamos ligeiramente aos ingredientes que podíamos encontrar por aqui. Não é o mesmo que leite materno, mas é infinitamente melhor do que qualquer “leite” artificial.

A verdade é que novamente o seio não está com muita cara de querer produzir leite – nem sei bem como seria essa “cara”, já que não amamentei da outra vez, mas esperava seios mais inchados, sensíveis, veias saltadas, sei lá… O fato é que dessa vez pesquisei um pouco mais e descobri a tal sonda de relactação, que tem se mostrado um artifício tão poderoso, que até mães adotivas, que nunca engravidaram, conseguem amamentar naturalmente seus bebês!! Euvou tentar a amamentação totalmente sem artifícios, mas estou com a tal sonda já comprada para o caso de precisar. Minha querida amiga Flávia Gontijo, uma super fera quando se fala em amamentação, vai me orientar direitinho quanto à pegada correta e todos os detalhes que eu precise saber. Ela faz um lindo trabalho com a turma da Matrice.

Agora a tarde saí para passear e acabar finalmente de comprar as coisinhas fofas do quarto, uma parte bem gostosa. Comprei colcha, lençol de berço, protetores e todas aquelas frescurinhas que a gente não abre mão. Comprei tudo pronto, com um padrão xadres de azul com verde, coisa mais fofa! Agora esse bebê pode começar a querer nascer!!!

As refeições aqui em casa continuam nutritivas e preparadas com todo cuidado, amor e carinho! A produção dos caldos caseiros não parou e não dá sinais de que vai parar, as encomendas simplesmente não param. Eu continuo coordenando tudo, mas na hora de carregar o panelão pesadíssimo, sou obrigada a pedir ajuda para alguém. As encomendas de pães de queijo, como disse acima, cresceram de uma ora para outra, mas essas eu dou conta de fazer toda sozinha. Sento bem quietinha na frente da televisão, me distraio com novelas e seriados, enquanto enrolo quilos e mais quilos de pães de queijo – entre semana passada e esta foram quase 10kg!!!!

Então por hoje é isso, eu queria apenas dar notícias, mas por hora, nada de receitas novas…

Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 28 comments }

LUCIENI July 1, 2010 at 3:27

OI PATRÍCIA, ANTES DE MAIS NADA…VCS ESTÃO LINDOS!!
MULHER GRÁVIDA NÃO COSTUMA SE ACHAR MUITO BONITA, MAS QUEM ESTA DE FORA, ACHA! VOCE SABE!!!
QUERO DESEJAR A VOCÊS MUITO BOA SORTE! NO PARTO E NA VIDA! QUE DEUS CONTINUE ABENÇOANDO A VOCES E QUE ESTE MENINO SEJA MAIS UMA LUZ A CLAREAR ESTE MUNDO, TAL COMO A MAMÃE E O PAPAI, SÃO.
BEIJOS A VC E AO DR ALEXANDRE FELDMAN.

Picky July 1, 2010 at 3:40

Pat, sentimos sempre a sua falta! Mas como uma mãe dedicada que sabemos que vc é e sempre será, é totalmente compreensível o seu sumiço… Que o Alec seja muito bemvindo e traga ainda mais felicidades a toda a família! Força nesta reta final! Conte com o que precisar! beijos de nós todas aqui!!

Nina July 1, 2010 at 4:57

Voce me inspira, Pat!
Sou mae de 02 crianças: Lorenzo, 2,4 meses e Benedetta, 4 meses. E cada gravidez, parto e amamentaçao é realmente uma experiencia ùnica, processo é o mesmo, mas as sensaçoes…
Me senti muito mais revigorada agora que sou mae de 02 babies. A sensaçao de que a familia cresceu te dà uma força de deus do olimpo (ou deusa no nosso caso)!!
Seja muito feliz sempre! Pois voce nos faz muito feliz com suas receitas!! Pronto, falei!!
Beijo.

Iana Leão July 1, 2010 at 7:09

Parabéns, Pat!
A barriga está liinda e o quarto do nenê muito fofo!
Eu descobri que estou grávida do terceiro!
Ainda estou me recompondo do susto e ando bem apreensiva.
Mas desta vez poderei seguir seus ensinamentos, tanto para mim quanto para o bebê.
Fico muito feliz por você compartilhar tudo isso com a gente.
Obrigada,
Um beijo.

Pat Feldman July 1, 2010 at 8:35

Parabéns pelo “susto”, Iana!!!

cristiane July 20, 2010 at 13:48

DEUS TE BENÇOI E BOA SORTE

MARIA TERESA FONTOURA July 1, 2010 at 9:17

Pat,
Quero desejar tudo de bom neste mes que inicia juntamente com a vida nova que chega!
Conheci há pouco este blog, e já sou fã de carteirinha.
Também não tive leite. Por que será, já que dizem os entendidos que basta “querer e amar”? Me senti muito mal com isso, pois queria muito e reconheço sempre os beneficios, mas não teve jeito. A primeira, chorava dia e noite até que me toquei que era fome. O segundo, não acordava, não sugava e nem cheguei a saber se teria leite.
Deve haver uma razão orgânica prá isso.
Abraços
M.Teresa

Elisa Cunha. July 1, 2010 at 9:57

Bom dia mãezona!
Que barriga linda,tu estás cada dia mais bonita,sabia?
Que Deus coloque anjos ao teu lado na hora que o bebê chegar e que tenhas muitas alegrias ao lado de tua família.
Beijos dessa gaúcha que te acompanha através do Blog.

vanessa July 1, 2010 at 10:06

Pat, meu Deus, se eu engravidar (ainda não sou mãe) com tanta garra e energia, dou 100 pulinhos! (após o bebê nascer, é claro!).
Acabei de te passar um e-mail sobre a encomenda de caldo de carne (não vi o último que vc me mandou ontem pq já tinha desligado o computador pra dormir), dizendo que SIM, SUPER SIM, MEGA SIM! Queremos o caldo de carne anyway! Só pedi que me confirmasse um teleofne pra contato e o valor certinho dos 2 litros. Minha amiga passará lá por volta das 14h.
Um super beijo, que Deus ilumine essa etapa mágica da sua vida, seus leitores torcem por vc!

Denise July 1, 2010 at 15:48

Parabéns!!! Você está linda com esse barrigão!
Entendemos bem essa sua mais nova fase. Fique tranquila!
Enquanto isso aguardamos ansiosas mais uma saborosa receita.
Que Deus abençoe muito vocês.

Bjs

salete July 1, 2010 at 16:03

Que tu tenhas uma boa hora,que DEUS te abençoe e te guarde.

Tatiane July 1, 2010 at 18:08

Que bom saber que está tudo bem!!!
Sempre fico me perguntando se já nasceu, se tá tudo bem…
Saudades dos nossos encontros na feira.
Bjus

Roberta July 1, 2010 at 20:11

Mulher, vc é GUERREIRA, sou sua fã!!
Vou ficar torcendo muuuuito para que o aleitamento dê certo!
Beijos e sorte, querida!

Sayonara July 1, 2010 at 21:27

Pat,
Um parto super feliz, muuuuita energia positiva e elevada prá mamãe, bebê, irmãozinho e papai!! Luz e Amor!!!

FRANCINE July 1, 2010 at 21:52

Tá lindo o seu barrigão, Pat! Parabéns de novo!

Tati July 2, 2010 at 9:52

Boa hora para ti Pat!
Que você tenha um parto tranquilo.

Beijos
Tati

daniela July 2, 2010 at 10:42

Pat, voce ta linda e mae de duas digo que nenhuma gravidez e pós parto e filho é igual ao outro, tive vários problemas na primeira e uma delas foi a amamentação que fiz com muito custo e sofrimento e valeu a pena, na segunda, tudo ta sendo infinitamente mais facil e tranquilo, nasceu em casa e mama horrores ate hoje!
Fiquei emocionada com o teu texto sincero, de coracao aberto e desejo muito que voce consiga amamentar e tenha um lindo parto.
Beijo grande.

Paula Zandonadi Zanirato Tristão July 2, 2010 at 12:42

oi, Pat.
Você está linda!!! Ai, essas semanas finais de cuidar do ninho, preparar a chegada do novo membro da familia é uma delicia.
Bjoks
Paula

Flávia Santiago Gontijo July 3, 2010 at 1:45

Querida amiga,

que honra ser citada em seu artigo.
Espero fazer juz ao seu elogio.

Então já que o assunto é amamentação, vamos lá.

Não precisa se preocupar com relação à veias saltadas, peitos super cheios e tudo o mais que nosso imaginário cria sobre como deveria ser um seio antes do nascimento do bebê.

Seio vazando leite não é sinal de produção suficiente. A grande maioria das mulheres produzem o que seus bebês precisam sem ter leite esguichando ou pingando.

Eu acredito que você terá leite. Agora você também precisa acreditar.

Já estou me preparando para fazer várias visitinhas para te ajudar. Me aguarde.

O quarto do bebê ficou lindo.

Beijos

Helô July 6, 2010 at 23:54

“verdade é que novamente o seio não está com muita cara de querer produzir leite – nem sei bem como seria essa “cara”, já que não amamentei da outra vez, mas esperava seios mais inchados, sensíveis, veias saltadas, sei lá…”

Pat! “Sinto” lhe dizer, mas VOCÊ VAI AMAMENTAR, apesar do parágrafo acima! Rs!
Muda o parágrafo que eu tenho certeza que tudo será diferente!!! Desde já!!

Vc estará apoiada pela Flávia, mas tbm pode contar comigo, se precisar!

Lembre-se que, a cada nova gravidez, há uma nova experiência!

Bjs, na torcida por um parto delicioso e uma amamentação realizadora! :D

Helô, da PR!

Fabricia July 10, 2010 at 23:17

Paty parabénsssss … que delicia que ja esta chegando a hora … imagino a ansiedade … Uma pena que nao conhecia esse tipo de sonda … poderia ter me ajudado muito. Boa sorte e da-lhe pao de queijo …. Beijos.

solange July 15, 2010 at 17:35

Parabéns Paty por mais uma criança!!! Desejo tudo de bom para vocês! Pois você e seu esposo, são pessoas exemplares, pois compartilham informações ricas de saúde e sabedoria.
Um forte abraço!!!!

Edna Viana July 16, 2010 at 18:35

Oi Pat, que Deus te abençoe ricamente, com seu bebezinho, tive dois filhos, e fiz questão de amamentá-los, o primeiro foi sem problemas e mamou 11 meses, e deixou por que ele quis, criou uma espécie de nojo do peito. Da segunda vez, tive muita dificuldades em criar leite, minha filha emagreceu e mesmo assim ficou só no peito os primeiros quatro meses, foi difícil, mas consegui, ela mamou até quase os dois anos de idade. Graaaaande abraço e seja perseverante, que eu sei que você é. Beijos.

Raquel July 19, 2010 at 10:28

Como voce esta linda com este barrigão…Que Deus abençõe, muita saude p/ voces.

Beijos

Adriana Figueirôa July 22, 2010 at 10:53

Oi querida, acompanho o teu blog tem um tempão e nem sabia ainda que vc estava grávida.
Que tudo corra bem no parto e período de adaptação.
Vem cá, você ainda tem contato com a Elisabeth Emiko? Ela sumiu do orkut, perdi o contato e queria muito retomar.
Beijos e tudo de bom!
Adriana

Pat Feldman July 22, 2010 at 12:41

Adriana, nunca mais soube dela…

hilda pralom August 3, 2010 at 10:23

OLÁ PAT.COMO TEM PASSADO ESTOU TE CONHECENDO AGORA MAS ESTOU MUITO FELIZ, PORQUE FAÇO UM TRABALHO VOLUNTÁRIO NA PASTORAL DA CRIANÇA E AMO O QUE FAÇO, ENTÃO ESTAS DICAS P/ MIM É MUITO IMPORTANTE POIS ESTAMOS FALANDO DE FAMILIA QUE É UM BEM MAIOR QUE ”DEUS” NOS DÁ.
QUE ‘DEUS’ ABENÇÕE VC E O SEU BEBÊ TODA FELICIDADE DO MUNDO.
BEIJOS!

Eliane Rodrigues August 22, 2010 at 4:08

Olá! Parabéns! Vcs são lindos!
Bj!

Comments on this entry are closed.

Previous post:

Next post: