Sorvete de Coco Caseiro e algumas reflexões…

by Pat Feldman on 07/12/2008 · 7 comments

in RECEITAS, Sobremesas, Sorvetes

Hoje o dia foi lindo aqui em São Paulo – passamos o dia na piscina e como acontece quase sempre que fazemos esse programa, meu filho mal quis almoçar. Ele acha muito mais divertido aproveitar a piscina e eu sinceramente prefiro mesmo não forçar. Ofereço, mostro a comida, mas se ele prefere brincar eu deixo. Fome é um instinto muito forte, se ele realmente estivesse precisando comer, se realmente estivesse com fome, parava tudo e vinha pedir alguma coisa!

É engraçado pensar que conforme vamos ganhando consciência do mundo à nossa volta, vamos aos poucos perdendo a capacidade de ouvir o nosso corpo… A sociedade decide que as refeições devem ser numa hora “tal”, e quando dá a “tal” hora você lembra que está com fome, mesmo que não estivesse há um minuto atrás. Claro que uma vida sem horários, principalmente nos dias de hoje e principalmente numa cidade como São Paulo, é praticamente inviável – aqui em casa temos horários regulares para as refeições, mas sem neuroses e sem ter que comer sempre as mesmas quantidades.

Eu vejo muitas mães – principalmente as de primeira viagem (que eu também sou!) – que chegam a pesar na balança ou medir em xícaras ou colheradas o que o filho come, desde as primeiras papinhas de bebê até quase adolescentes. Algumas ficam também calculando quanta proteína, quanta gordura, qual gordura, quanto carboidrato, quantas calorias tem cada refeição. A refeição que era para ser um grande prazer acaba virando uma complicada equação matemática…

Claro que é importante ter uma refeição balanceada e rica em nutrientes, eu sou a primeira a me preocupar com isso, mas a refeição também deve ser cheia de prazer, um momento de relaxamento, de alegria. Eu sou da opinião que se deve buscar sempre alimentos muito densos em nutrientes, os mais variados e importantes nutrientes, e se preocupar menos com quanto desses nutrientes aparece em cada porção. Se hoje você não comeu carne porque não queria ou porque não teve tempo, mas comeu ontem ou comerá amanhã, pra que se preocupar? Se você tem o hábito de consumir frutas, um dia uma, outro dia outra, no fim da semana acaba que o organismo ganha tudo o que precisa. Imagina colocar tudo de uma vez num prato! Sem combinar, sem ter vontade de comer, sem saber preparar!! Que chato!

Bem, tudo iso para dizer que quando meu filho resolve que não quer isso ou aquilo, eu deixo pra lá, não insisto, e compenso na refeição seguinte (no caso de passarmos o dia no clube, na piscina, como a falta de almoço já e previsível, eu procuro caprichar também na refeição anterios, o café da manhã daquele dia).

E agora vamos ao sorvete, que é o meu jantar de hoje, bem nutritivo e gostoso.

Ingredientes:

1 xícara de creme de leite fresco

1/2 xícara de leite integral

1/2 xícara de coco fresco ralado (que você encontrar facilmente em qualquer feira de rua ou congelado em alguns supermercados)

1 colher de sopa cheia de mel

1 colher de chá de extrato natural de baunilha

1 gema de ovo crua

Modo de Preparo:

Junte todos os ingredientes no copo de liquidificador e bata bem até obter uma mistura uniforme.

Passe a massa para a máquina de sorvete e siga as instruções dela.

Caso você não tenha máquina de sorvete em casa, leve a mistura ao freezer. Assim que começar a gelar, bata na batedeira e volte ao freezer, deixando lá mistura de uma a duas horas. Bata novamente e repita o processo até conseguir a consistência cremosa do sorvete.

Sirva com a farofa de coco (CLIQUE AQUI para conferir a receita)

Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 6 comments }

Albertina May 17, 2009 at 12:20

Adorei a receita e gostaria de fazer em casa, mas não tenho batedeira; posso fazer no liquidificador ou a mão.

Pat Feldman May 17, 2009 at 12:58

Albertina, tenta fazer, e se der certo, passe aqui para contar!

Katia Rosssi September 5, 2012 at 20:39

Paty fiz hoje a mão batendo com um fuê, deu certo, mas acredito que n batedeira fique ainda melhor.
Gostei muito do sabor que não é muito doce. Para mim ficou no ponto.
Obrigada mais uma vez!

duda(aluna) May 21, 2009 at 22:32

oi eu gostei muito do seu blog.

Pat Feldman May 21, 2009 at 22:35

oi Duda!! Estou ansiosa pela nossa próxima aula na 3a. feira. Pergunte ao pessoal o que eles acham de prepararmos um pão de queijo nesse dia. Vamos nos comunicar aqui pelo site!

Um beijo!

maria gagnon September 27, 2011 at 11:43

adorei o seu blog e que bom que você trata os assuntos com muito amor.

Comments on this entry are closed.

{ 1 trackback }

Previous post:

Next post: