Óleo de coco, comida também para o cabelo!

by Pat Feldman on 08/06/2011 · 73 comments

in ARTIGOS

Pense num cabelo fininho, muito, MUITO crespo, tremendamente ressecado e maltratado após mil tentativas de melhorá-lo (tinturas, reflexos, progressivas, etc). Tudo o que eu sou há muitos anos natural para comer, sou “anti-natural” para cuidar dos cabelos… Falou num tratamento novo, creme, pasta, gel ou o que for, lá estou eu experimentando! E durante a gravidez, sem poder experimentar nada, foi um suplício!

Há alguns anos atrás, quando meu marido se empolgou  pelo estudo de usar alimentos como cosméticos, eu até fiz algumas tentativas naturebas, mas nunca gostava de nada. Ou o cabel ficava duro, ou melecado, ou fedorento.

Ai, era rir pra não chorar!!!

Nessa mesma época ele, o marido, sugeriu o óleo de coco para os cabelos. Eu me recusei terminantemente! Trauma de infância! Me lembrei de uma ocasião, ainda criança, em que joguei meio vidro de óleo de amêndoas no meu cabelo para ver se ele alisava ou amaciava. Nada disso aconteceu, e “de brinde” ganhei um cabelo bem melequento e grudento por vários dias. Por isso, nem pensar em colocar óleo no meu cabelo!!

Isso era definitivo, até que há umas 3 semanas atrás enchemos a baneira aqui em casa, e para tratar da pele maltratada pelo frio, coloquei algumas colheres de óleo de coco misturada à água morninha. Cabelos devidamente amarrados para não “contaminarem” com óleo. Mas vai explicar para o filho de 6 anos e o bebê de 10 meses que você não quer melecar o cabelo de óleo. Farra armada na banheira, e meu ideal de não melecar o cabelo foi para o espaço!

Brincamos um montão (o melhor da reforma foi essa mega banheira de alvenaria que mandei fazer! um dia publico no meu blog de casas – http://casasdossonhos.blogspot.com/), meu cabelo ficou ensopado e todo oleoso e eu já estava me preparando psicologicamente para passar uns dias de cabelo lambido e feio. Lavei muito bem lavado com shampoo, passei um pouco de condicionador (bem pouco) e desencanei, deixei secar de qualquer jeito, porque achei que meu cabelo estaria um lixo.

Surpresa quando o cabelo secou: muito liso, sedoso, brilhante, incrível! Eu não acreditei muito que isso fosse graças ao banho de óleo de coco – era mais fácil eu acreditar em milagre! Mas ontem tentei de novo: banho de banheira, muito óleo de coco. Dessa vez arrisquei ainda mais e deixei o cabelo secar com óleo de coco. Só lavei no dia seguinte, hoje cedo, e deixei secar naturalmente. Tirei a prova e novamente o óleo de coco deixou meu cabelo fantástico!

Eu tenho banheira, mas se não tivesse, teria diluído uma ou duas colheres de sopa de óleo de coco em uma jarra de água morna e jogaria nos cabelos, logo antes de sair do banho. Deixava secar por algumas horas e lavaria os cabelos normalmente.

Usei o shampoo que tinha no box para lavar os cabelos, nada de especial, muito menos caro. Condicionador a mesma coisa, nada de especial.

Eu sou muito exigente com o que como e ofereço para meus filhos comerem. Já havia tentado algumas vezes optar por produtos mais naturais para usar na pele e no cabelo, mas como nunca achei nada que fosse bom o suficiente para empolgar, acabei ficando com cosméticos comuns por muito tempo. Uso cremes comuns, shampoos comuns, condicionadores comuns, esmalte, tintura, etc. Nada muito natural ou saudável. Eu tento o natural, mas não crio uma neurose em torno disso!

A hidratação dos cabelos ganhou uma versão natural testada e aprovadíssima. recomendo para meninos e meninas de qualquer idade!

E o que tudo isso tem a ver com comida, tema principal do site Crianças na Cozinha? TUDO! Óleo de coco é comida! Óleo de coco é super natural e saudável! Crianças na Cozinha gosta de divulgar temas que promovam a boa saúde e a saúde não está só no prato, mas sim em tudo aquilo que colocamos em contato com o nosso corpo.

Atualmente não tenho uma marca favorita de óleo de coco, mas procuro sempre comprar dos orgânicos, e onde nunca falta, aqui em São Paulo, é na Casa Santa Luzia. Eles também vendem on line (Eu não ganho nada, além da enorme simpatia da casa, por falar deles. É porque gosto e confio mesmo!)

Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 57 comments… read them below or add one }

SillmeloAkita June 8, 2011 at 23:39

Oi Pat, já usei o óleo de coco nos lábios ressecados, pra tirar rímel pesado e hidratar a pele do rosto e corpo,mas no cabelo ainda não. Queria saber se faz necessário diluir ele mesmo? Se passar nas mãos e besuntar os fios e massagear não é bom?
Obrigada mais uma vez.

Reply

Pat Feldman June 9, 2011 at 7:53

Sill, pode ser bom sim, mas eu nunca pensei nisso porque aproveito a água da banheira pra fazer serviço completo: corpo, rosto e cabelos!

Reply

Denise June 9, 2011 at 8:36

adorei, pat! quando criança, uma vez minha mãe passou tutano purinho nos meus cabelos… ficaram lindos, mas imagina o cheiro?? ARGH!!!! pavor!!! nunca mais a deixei repetir a experiência. outra coisa ótima pra passar no cabelo é leite. fica macio e dá uns reflexos mais claros, bem bonitos mesmo. usei muito… uso óleo de coco no rosto também, algumas gotinhas. deixo agir uns minutinhos e depois enxaguo só com água mesmo. é excelente. e pra quem tem pele oleosa como eu, pode usar sem susto, a pele fica linda e sequinha, nada melecada.

agora, uma curiosidade… qual é o endereço do seu blog sobre casas?

um beijo!!!

Reply

Pat Feldman June 9, 2011 at 19:05
Alexandre Feldman June 9, 2011 at 8:49

As índias da Polinésia, notórias por seus cabelos lindos, dão verdadeiros banhos de óleo de coco em seus cabelos!

Reply

LUCIENI June 9, 2011 at 9:58

OI Pat, usava em uma ocasião o oleo COPRA para hidratar a pele no final banho, mas com o passar dos dias foi ficando na toalha e no meu pijama, que vestia logo após o banho, um cheiro forte e desagradável de ranço. Já te aconteceu isto? Porque será?
Gostei tanto da idéia de hidratar com o oleo de coco,por ser uma alternativa muito mais saudável do que passar oléos minerais…. só que acabei desistindo por causa disto.
Obrigada sempre pelas dicas preciosas.

Reply

Pat Feldman June 9, 2011 at 19:00

lucieni, por diversas razoes, eu parei de usar o copra.

Reply

Marcela June 15, 2011 at 16:55

Olá Pat e Lucieni. Para evitar o ranço eu misturo oleoresina de alecrim com óleo de coco. A quantidade recomendada é de 0,5 a 1g de oleoresina para 1kg de óleo. Eu vou no sentimento, boto duas gotinhas em 500ml do óleo de coco. Mas atenção: o óleo com oleoresina só serve para uso cosmético. Referência: http://www.snowdriftfarm.com/askthechemist.html

Reply

Pat Feldman June 16, 2011 at 7:43

marcela, ocnfesso que nao sei o que é oleoresina, mas nao acho que seja necessário misturar ao óleo de coco, que é um óleo extremamente estável, que nao se torna rançoso facilmente.

Reply

Marcela June 16, 2011 at 10:42

Oi Pat, bom dia =). A oleoresina de alecrim é um extrato oleoso utilizado como conservante natural em cosméticos. Aqui fala um bocadinho sobre ele http://bemnaturalsaboaria.blogspot.com/2011/03/oleo-resina-de-alecrim-conservante.html. Como eu só tenho acesso ao Copra e ele oxida rapidamente (principalmente no verão escaldante de Recife), o jeito que encontrei de não perder o produto foi esse. A porção destinada à ingestão eu guardo na geladeira (óleo purinho) e a porção para cabelo e pele eu misturo ao alecrim. Mais informações http://espacoflordocerrado.com/dicas/oleos-essenciais/alecrim-co2-to/.

Reply

Pat Feldman June 16, 2011 at 11:31

marcela, vou dar uma lida. mas fique atenta, se o óleo da copra está oxidando rápido, deve haver algo de muito errado com ele…

Aline June 9, 2011 at 10:21

Oi Pat, qual óleo de coco você utiliza atualmente?

Só estou encontrando da marca Copra aqui em Porto Alegre, anos atrás eu comprei de um fornecedor que você indicou no orkut (que vinha de uma ilha), mas não encontrei mais o telefone deles… sabe me indicar algum site ou fornecedor de um bom óleo?

Obrigada
Aline

Reply

Pat Feldman June 9, 2011 at 18:59

aline, eu tenho usado o dr. organico.

Reply

Sinarac@hotmail.com June 9, 2011 at 10:35

Minha sogra usa gotas de óleo de coco no lugar do silicone.

Reply

Nani June 9, 2011 at 10:53

Adorei Pat. Estamos usando óleo de coco com sal marinho para escovar os dentes, a sensação é maravilhosa. Vou testar o óleo no cabelo.
Beijos e obrigada por essa partilha maravilhosa.
Deus te abençoe por esta generosidade.

Reply

Tatiana June 9, 2011 at 13:19

Paty, meu cabelo é volumoso e cacheado, com fios de todo tipo, ás voltas com minhas intenções naturebas evito o máx possivel qqr produto no cabelo, assumi os cachos, mas e o volume?um problemão!Comprei o óleo de coco dr organico e usamos mais no corpo do que na comida!
lavo os cabelos e uso oleo de coco como leave in, direto, sem diluir!o marido que fica com a pele do rosto ressecada no inverno borrifa agua termal e depois passa oleo de coco no rosto!a filha de seis anos tem uma dermatite chatinha nas coxas: agua termal e oleo de coco!e o filhote de 1a4m que nasceu com um cabelinho louro bem sarará não usa condicionador, só oleo de coco!após a depilação: agua termal e oleo de coco tbm!é um vicio!e dura tanto, se vc souber dosar o cabelo não fica oleoso não!

Reply

SillmeloAkita June 9, 2011 at 23:50

Pat, usei hoje nos meus cabelos. Fiz diferente de vc, como o meu estava endurecido por conta do frio eu coloquei numa vasilha aqueci e fui passando nos fios, massagiei e deixei o cabelo preso com uma piranha. Fui fazer as coisas da casa e acho que só depois de 1 hora eu lavei. Usei um shampoo comum (pantene) e deixei secar na toalha mesmo. Pra não dormir com a cabeça umida eu acabei passando um pouco de secador, mas foi super rápido…
Menina, que maravilha!!! Deixou meu cabelo hiper macio, sedoso e brilhoso.
Sabe aquela sesação de cabelo virgem? Limpo? Pois então, está assim. AMEI.
Amanhã vou experimentar nos cabelos de meu marido. Vc que conheceu ele viu o tamanho do cabelo dele né? E está bem ressecado, amanhã te digo como ficou.

Reply

Catherine June 10, 2011 at 8:56

Pat, a Ana Thmaz tem um blog que fala de “descosmetização” (entre outras coisas), vc já viu?
Acho que é anathomaz.blogspot.com

E a Sonia Hirsch fala muito disso tb…

Vou testar esse óleo de coco tb! Vende na Zona cerealista?

Ah, queria saber daqueel óleo de fígado de bacalhau… no site, o frete fica absurdamente caro pro Brasil, além de correr o risco de não receber.
Alguém já comprou pelo site e recebeu?

Reply

silvia ribeiro June 12, 2011 at 15:02

Pat, eu uso oleo de coco no cabelo até quando ele esta seco, meu cabelo é finissimo, e bem curto, ele funciona para dar um “shape” como se fosse uma “pomada”, alem de modelar, deixa sedoso, e no dia seguinte parece que ficou melhor ainda. Eu uso ele in natura, pego com uma colherinha do pote, bem pouco, misturo entre as palmas das mãos para esquentar, e mando ver. A dosagem certa a gente consegue com o uso.
Nunca tentei usar como vc faz mas vou experimentar.
Abraços!!

Reply

Maria Christina June 14, 2011 at 20:40

Nas viagens que fiz as Patagônias Chilena e Argentina uma coisa que me deixou fas-ci-na-da foi o brilho e a maciez dos meus cabelos. De volta ao Brasil e ao meu arsenal de hidratação foi que me dei conta que a água usada lá vem das geleiras e glaciares, sem qualquer tratamento químico.
Depois dos 50 hidratar é preciso – vou comprar um vidro de óleo de coco e usar no lugar do creme que o médico me receitou e que não estou achando lá essas coisas apesar do preço extorsivo por ser hipoalergênico.

Reply

Maria Christina June 15, 2011 at 12:28

Olá a todos da Comunidade Crianças na Cozinha – entrei no site do empório Santa Luzia e não obtive qualquer resultado com relação a “óleo de coco”.
No google achei um óleo orgânico de coco extra virgem da Finococo. Alguém poderia me avaliar o produto caso já o tenha usado?
E quem usou o óleo no cabelo não ficou com cheiro não?

Reply

Pat Feldman June 16, 2011 at 7:44
Renata Cassia June 15, 2011 at 20:07

Menina, que maravilha eu nao tenho nehuma criança na cozinha ainda mais adoro esse web site
e que coincidencia depois de meses fazendo uma disertação doida resolvi entrar aqui. Eu moro numa cidadezinha inglesa chamada Stamford e sou casada com um ingles, que se recusava a usar antitranspirante com aluminio so que agora ta chegando o verão aqui e ele tem que trabalhar de terno e gravata imagina o cheirinho. Vamos pro ponto pra fazer a historia curta do oleo de coco milagroso. Eu vi uma receita de desodorante com oleo de coco que fez milagres com a camisas do meu marido hahha é obvio que este desodorante nao faz vc parar de transpirar funçao do aluminio, mais se alguem que uma coisa mais saudavel vale a pena tentar.
howaboutorange.blogspot.com/2010/04/how-to-make-your-own-deodorant.html esse é o web site da versão em ingles é legal que vc pode ver os comentarios e se for de interesse acho que poderia adpta-la e publica la em seu site adpta-la pq nao sei que o é arrow root em portugues e se é facil de encontrar no Brasil.

xx
Renata Cassia

Reply

Thiago (Vida Primal) June 17, 2011 at 17:50

Oi Pat,

Já ouviu falar do movimento “no poo” (sem shampoo)? Tem gente que parou de usar shampoo e passou a usar só óleo de coco, bicarbonato ou vinagre diluídos na água de vez em quando, e dizem que não se arrependem.

Tem também os que pararam de usar sabonete e dizem que a pele ficou muito melhor e não ficam fedidos. :-P

Talvez eu faça um teste c/ o “no poo” em breve.

Um abraço,
Thiago

Reply

Pat Feldman June 17, 2011 at 18:22

eita, por enquanto é demais pra minha cabeça, mas dia desses posso tentar.. para homens, cabelo curto, deve ser mais fácil….

Reply

Thiago (Vida Primal) June 18, 2011 at 16:36
Camilli Chamone June 26, 2011 at 20:12

Meu cabelo ficou uma seda, Pat. :)

Reply

JULIANA July 2, 2011 at 23:44

O óleo de coco natural sem conservantes é muito bom mesmo,estou usando a quase um mês, todos os dias e meu cabelo que era super cacheado ,agora esta lisinho.Óleo de coco aprovado

Reply

Pat Feldman July 2, 2011 at 23:48

juliana, também notei meu cabelo mais liso…

Reply

Gelato November 1, 2011 at 8:43

Que interessante, ainda bem que foi um acidente que deu bons rsultados…

Reply

Lu December 20, 2011 at 13:48

Pat tudo bem?
Comprei o óleo de coco da marca copra extra virgem,e começei a tomar hj…gostaria de saber como eu devo passar no rosto? tipo: lavo o rosto e passo o óleo deixo alguns minutos e enxaguo ou não precisa enxaguar?

Reply

Pat Feldman December 20, 2011 at 16:34

Eu passo como se fosse creme – passo e deixo!

Reply

Flavia January 27, 2012 at 0:16

Oi Pat,
Não tentei ainda mas ouvi dizer que óleo de coco faz nascer cabelo, bom pra queda, eu to tomando uma colher por dia de manhã , tem uns 8 dias pra tentar emagrecer e pra saúde, mas eu to usando o copra que tem aqui. Pq vc disse que não ta gostando de usar mais ele? Ficarei muito grata com sua resposta
abraços

Reply

Lucas February 10, 2012 at 20:43

olá.. meu cabelo atras é um pouco liso e na frente um pouco grosso encaracolado sei la.. se eu passar oleo de coco meu cabelo vai ficar liso será? me da umas dicas ai, sou homem kk

Reply

Pat Feldman February 10, 2012 at 20:46

Óleo de coco não é alisador de cabelos, mas os deixa mais macios e sedosos, mais leves. Vale para homens e mulheres!

Reply

Flavia February 17, 2012 at 23:33

Pat eu tava toamndo o óleo de coco ai comprei um outro pote e ai depois quando tomava sentia ele descer queimando minha garganta , ai imaginei ser da minha cabeça ai continuei e aconteceu isso e durava mais ouy menos 4 horas pra garaganta voltar ao normal. o que será que pode ter acontecido, será que ele acidifico , parei de tomar, até hoje minha garaganta ta irritada , quero muito fazer o uso do oleo por ser boma saúde. Vc já ouvi algo a respeito. To querendo tentar esse que vc indicou mas ele não é extra virgem.. será que ajudará no emagrecimento, eu usei o da copra.
abraço

Reply

Pat Feldman February 18, 2012 at 8:09

Flavia, nunca ouvi falar de queimação por óleo de coco… Você tentou tomá-lo junto com leite morno ou outro alimento?

Reply

Flavia February 19, 2012 at 17:43

Oi Pat,
Eu tomei o óleo de coco puro direto em uma colher, antes do café da manhã. Por isso eu consegui identificar o gosto ácido.Depois eu comia sempre mamão e aveia pra ajudar no intestino e água. Mas ficava horas com a garganta irritada , com a sensação que a garaganta estava inchada,pq ele descia como se eu tivesse tomado um copo cheio de suco puro de limão. Depois disso minha garganta não voltou ao normal, ta muito irritada ,e eu dou aula e não to conseguindo falar muito na sala de aula. Vou ter que ir ao médico. Eu quero muito fazer o uso do óleo de coco, ele tava ajudando no meu intestino que é preso. Eu creio Pat que se eu tivesse misturado ele com outros alimentos até com o mamão nunca talvez teria percebido o gosto ardido. Foi bom por uma lado que pelo menos talvez se eu tivesse continuado estaria ingerindo algo que já talvez não estaria bom para o consumo , talvez óleo ácidifico, será que ele aguenta temperatura alta, tem feito muito calor aqui, ou melhor conservá-lo na geladeira pq um outro pote anterior isso não ocorreu.
abraços

Reply

Pat Feldman February 19, 2012 at 20:03

Flavia, existe a chance de você já ter comprado o óleo rançoso – ele é resistente, mas sem um mínimo de cuidado, estraga mesmo. Mas guardá-lo na geladeira não é necessário normalmente.
Outra opção é você ser alérgica ao coco e se for esse o caso, por mais saudável que ele seja, melhor não consumir. Eu conheço algumas pessoas com alergia ao coco que não podem consumir óleo de coco.

Reply

Flavia February 20, 2012 at 22:38

Oi pat,
Talvez eu seja alérgica ao óleo de coco, mas já comi coco e bebi água de coco e não senti nada. Ou tbm como vc disse talvez ele ficou rançoso, pq assim que eu abri ele , tomei a primeira colher e o óleo desceu suavemente, mas já no outro dia já desceu queimando, e o óleo cheirava a coco queimado e tbm tinha gosto leve de coco queimado. Andei no mercado reparando,os óleos de coco da copra, alguns são mais transparentes e outros com o tom mais amarelado. Outra coisa que notei não sei se isso pode alterar o óleo, é que tem lugares que eles deixam perto da luz nas lojas , poucos os lugares que a luz não fica batendo nele, não sei se isso interfere na preservação do óleo. Tomara que eu não seja alérgica pq eu quero tanto tomar o óleo , era a única coisa que tava melhorando meu intestino, so mamão com aveia não funciona .
abraços

Reply

Pat Feldman February 21, 2012 at 7:49

Flavia, como eu te falei, o óleo de coco é bastante resistente, porém pode se rancidificar mesmo assim, e a exposição à luz e ao calor são fatores importantes.

Quanto ao intestino, tente tomar mais iogurte, ajuda imensamente, e leia esse meu texto: http://pat.feldman.com.br/2010/02/19/intestino-preso-o-drama/

Reply

Flavia February 21, 2012 at 20:16

oi Pat,
Eu li o artigo do iorgut, vou tentar. Eu estava de férias, e ficava horas na net pesquisando sobre sáude, ai uma coisa ia puxando á outra, então eu vi relato de vários médicos e tbm médicos extrangeiros dizendo que o leite de vaca não é benéfico , ele até mesmo causa cancer e faz mal pro intestino. Eu raramente tomava leite, agora bem menos, mas de vez em quando, faço uso do creme de leite e leite condensado pra fazer alguns pratos, eu ainda não consigo seguir tudo tudo. Mas algumas coisas como refrigerante que eu gosto, tem meses que não tomo. Meu cabelo tá caido muito, e quebrou todinho desde a raiz, não sei o que pode ter sido se foi o stress junto com a limentação. Então minha irmã falou pra eu tomar leite que ele ia parar de cair , fiz o teste e realmente parou ..estranhamente.. mas ai eu não quero continuar tomando por causa que vi vários relatos que não faz bem á saúde , ai eu pensei talvez esteja faltando cálcio no meu organismo, e li tbm que falta de cálcio faz o cabelo ficar fraco e quebradiço. Mas por outro lado parece que esse leite de caxinha não tem cálcio, ou é dificilmente absorvido pelo organismo. Agora como funcionou pro cabelo não entendi.. ai eu fiquei pensando que geralmente essas meninas adolescentes elas não tem uma alimentação rica em verduras e frutas , mas sei que a maioria toma muito leite e achocolatado, e elas tem um ótimo crescimento de cabelo , pq dou aula pra adolescente ai a gente conversa.. to na dúvida
abraços

Reply

Pat Feldman February 21, 2012 at 20:32
Flavia February 22, 2012 at 21:51

Oi Pat,
Sobre o leite Paty, ás vezes tento dizer isso para pessoas que esta escrito no artigo sobre o leite industrializado, mas quase ninguém dá crédito. Eu quis até ajudar uma senhora no médico uma vez , ela ficou meio irritada e disse que o irmão dela era médico, e que o leite era essencial para osteoporose, até vi que era uma mulher culta, bem vestida mas ai deixei pra lá.. e ela toma esse leite sem lactose.. ás vezes fico chateada pq vejo que as pessoas ficam presas a conceitos antigos e não abrem a mente para novas descobertas. As pessoas falam, ah tudo faz mal , todo mundo vai morrer mesmo .. mas creio que o que a gente pode evitar a gente deve, sem ficar neurótica, claro. Eu comprei um novo óleo de coco, quando abri ele já tava cheirando coco queimado, passei no braço da minha mãe pq ela quebrou e tava muito ressecado e ela mesmo disse que tava cheirando coco queimado sem eu ter comentado com ela ,ahh desanimei com essa marca, não sei o que ta havendo, se é falta de sorte a minha.. O que vc compra não é extra virgem pelo que vi , mas sera que o seu ajuda no emagrecimento por não ser extra virgem
abraços

Reply

Pat Feldman February 22, 2012 at 21:55

Qual a marca que você comprou mesmo?

Reply

Flavia February 23, 2012 at 22:08

oi Pat,
Eu comprei da copra, mas to querendo tentar outra , não to tendo sorte… uma amiga minha comprou e disse que não sentiu nada e ela toma puro.Será que tem algum problema misturar óleo por exemplo na babana pra nao cair direto na garaganta se ele ta com cheiro de coco queimado. Vc já chegou a notar se o óleo de coco que vc usa tem cheiro de coco queimado e se queima a garaganta se vc tomar uma colher?
abraços

Reply

Pat Feldman February 24, 2012 at 6:43

Flavia, eu DETESTO o óleo de coco puro, fico completamente enjoada, então sempre o tomo misturado ao leite ou como ingrediente para alguma receita. Aqui no site já publiquei diversas receitas usando óleo de coco. O cheiro dele pra mim é de coco, não sei se queimado….

Reply

Flavia February 24, 2012 at 22:49

Oi Pat,
Estou pensando em colocar óleo no mamão com aveia, mas a questão é que agora fiquei cismada com o óleo de coco, e se ele estiver rançoso, tem algum problema consumi-lo dessa forma? Poder fazer mal? Eu gostaria de te perguntar uma coisa Paty, que fiquei surpresa, ou vc poderia perguntar pro seu esposo que é médico . Eu vi aqui na net uma entrevista com um médico conhecido, que ele disse que suco de fruta não é benéfico, pq a frutose é venenosa e o antídoto são as fibras , quando vc poe as frutas no liquidificador vc destrói as fibras e então não tem como o estômago ligá-las novamente.
Abraços

Reply

Pat Feldman February 25, 2012 at 7:24

Flavia, leia o que já escrevi sobre sucos: http://pat.feldman.com.br/2011/07/24/suco-ao-contrario/

Reply

Flavia February 25, 2012 at 22:46

Muita boa idéia sobre o suco, até outro dia mesmo comi um sanduíche na rua e não sabia o que tomar já que to evitando refrigerante e suco industrializado não queria , mas ai tomei uma laranjada natural sem água e açúcar que devia ter umas 4 laranjas creio. Mas misturar com água fica menos frutose como vc diz . Melhor opção. Minha mãe sempre compra aqui em casa, aquele suco integral de uva sem adição de açúcar, que vem em uma garrafa de vidro, vc sabe se ele é bom? Estava lendo sobre diferença entre suco de uva e vinho, e o suco é feito do cozimento da uva com açúcar e o vinho é a uva fermentada. Como não faço uso de bebidas alcoólicas vou experimentar o vinho sem álcool. Assisti um vídeo de uma senhora centenária, um dos segredos dela é que ela toma todo dia um cálice de vinho, e outra senhora que viveu 130 anos que disse que comia todo dia arroz, feijão e banana mas gostava muito de refrigerante ? Só não sei desde quando ela começou com refrigerante..mas a nossa vida ta na mão de Deus
Abraços

Reply

Maria April 17, 2012 at 6:55

Olá Gostei do que li !

Mas só duas duvidas Pat. Posso usar o Oleo de coco Extra virgem ou Organico ?

Tem algum problema eu usar na raiz do meu cabelo ? A raiz nao ficaria oleosa?

Espero anciosamente por resposta. rs

Obrigada!

Reply

Pat Feldman April 17, 2012 at 8:18

Eu uso nos cabelos tanto o extra-virgem como o refinado, e os dois dão o mesmo ótimo efeito!

Reply

maria April 18, 2012 at 11:51

Obrigada ! mas fica oleoso se passar na raiz

Reply

Silvia Borelli July 14, 2012 at 15:09

Adorei a matéria e os comentarios.
Gostaria de receber sempre informações sobre o Blog.
Grata
Silvia Borelli

Reply

Caroline April 20, 2013 at 0:48

Olá…comecei a passar o óleo de côco no meu cabelo…o 100% natural mesmo, sem ser industrializado! No começo o cabelo ficou lindo, macio, brilhoso, e realmente começou a alisar…mas aí o óleoacabou e tive que comprar em outro fornecedor…daí o cabelo começou a ficar feio, ressecado…um aspecto esfarelado…O que será que deve ter acontecido?! Será que o óleo, mesmo que natural, muda de um fornecedor para o outro…E se sim…isso pode prejudicar o estado de meus cabelos?
Fico anciosa no aguardo da resposta!!
Grataa!

Reply

ivone May 6, 2013 at 22:34

amei o oleo de coco ficou leve meus cabelos e macio idratado e ficou liso tirou bastante o volume dei uma escovada com ar de secador obrigado gente pela dica sem oleo de coco nao da para ficar beijos para todos e tenha uma boa noite meu email ivonedebemcomavida@gmail.com

Reply

Fátima Rocha Perini July 26, 2013 at 17:34

Nossa! Já experimentei de tudo e meu cabelo continua “elétrico”, inclusive óleo de coco. Hoje resolvi fazer uma nova experiência, juntar o óleo de coco com um hidratante para os cabelos, usar uma touca térmica, enxaguar e depois de quase seco, usar óleo de Argan que me disseram ser o melhor. Amanhã eu passo o resultado pra vocês. Até lá !

Reply

Leave a Comment

* IMPORTANTE: LEIA ANTES DE CLICAR EM "ENVIAR" * Ao enviar seu comentário, você fornece à Pat Feldman e ao Site CriancasNaCozinha.com.br 100% dos direitos autorais do seu texto, e fornece também uma licença PERPÉTUA (para toda a vida) e IRRETRATÁVEL (sem a possibilidade de voltar atrás) para a reprodução de suas palavras associadas ao seu nome, seja neste site, seja em outro site, seja em algum livro que venha a ser publicado, ou em qualquer mídia atual ou futura.

{ 16 trackbacks }

Previous post:

Next post: