Curiosidades sobre os lactobacillus

by Pat Feldman on 26/01/2007 · 125 comments

in Alimentação, ARTIGOS

Este texto está muito bem explicado, muito completo, em negrito eu apenas vou destacar as informações que julgo mais importantes na nossa vida prática!!

E depois de ler e se convencer dos benefícios do consumo de alimentos fermentados, prepare o mais importante e conhecido de todos em sua casa: IOGURTE NATURAL INTEGRAL

CLIQUE AQUI e conheça nossa página sobre ‘Comida de Verdade’ no Facebook. É um ótimo canal para ficar por dentro das novidades e interagir com mais rapidez e facilidade!

Boa leitura!!


Definição O Lactobacillus acidophilus é o probiótico (pró-vida) mais comumente usado, também chamado de bactéria “amigável”. Nós nascemos sem ele, e o acidophilus logo se estabelece em nosso intestino e vagina e protege contra a entrada e proliferação de organismos ruins que podem causar doença. Algumas caracterí­sticas requeridas dos lactobacillus como probióticos são: função benéfica, fácil cultivo e estabilidade da “população”. Outras bactérias amigáveis incluem: L. bulgaricus, L. reuteri, L. plantarum, L. casei, B. bifidus, S. salivarius, S. thermophilus e Saccharomyces boulardii. Seu trato digestivo é como um ecossistema, com muitas bactérias. Alguns destes habitantes internos são mais úteis a seu corpo do que outros. O L. acidophilus produz a enzima lactase, que quebra o açúcar do leite (lactose) em açúcares simples. As pessoas que são intolerantes a lactose não produzem esta enzima. Assim, suplementos de L. acidophilus podem ser benéficos para estes indiví­duos. Outros probióticos potenciais incluem uma variedade de espécies de Lactobacillus (spp.), tais como casei GG, rhamnosus, NCFM, DDS-1, Bifidobacterium longum, Bifidobacterium bifidum, Streptococcus thermophilus,Enterococcus faecium, Saccharaomyces boulardii, Bacillus spp. e Escherichia coli.   CLIQUE AQUI e leia mais sobre lactobacillus vivos no meu livro de receitas! Usos – Substitui as bactérias intestinais “amigáveis” destruí­das por antibióticos; – Auxilia na melhora das doenças causadas por bactérias; – Previne e trata diarréia, incluindo diarréia infecciosa, particularmente do rotavirus (um ví­rus que comumente causa diarréia em crianças); (esse item vai especialmente para os meus pais, que ao verem me dar iogurte para o peqeuno com diarréia, quase me mataram!!!) – Impede o crescimento de organismos “ruins” no trato gatrointestinal (uma condição que tende a causar diarréia e pode ocorrer pelo uso de antibióticos); – Impede e/ou reduz infecções vaginais, infecções do trato urinário e cistites (inflamação da bexiga). – Melhora a digestão (absorção) da lactose em pessoas que tem intolerância a mesma; – Aumenta a resposta imune; – Ajuda no tratamento de infecções respiratórias tais como sinosite, bronquite e pneumonia; – Diminui o risco de alergias; – Ajuda a tratar colesterol elevado; – Acne; – Redução de enzimas implicadas na produção do câncer; – Saúde Cardiovascular; – Sí­ndrome crônica de fatiga; – Resfriado; – Indigestão/Digestão; – Úlceras; – Febre reumática. Alguns pesquisadores testaram a eficácia terapêutica de um composto consistindo da combinação multibacterial de L. acidophilus e Bifidobacterium bifidum em pacientes idosos com desordem intestinal. Os resultados foram excelentes, com restauração da flora bacteriana duodenal e melhora dos sintomas clí­nicos. Medidas de Segurança Não há nenhum problema de segurança com o uso de probióticos Promove às vezes a observação um aumento temporário de gases. Observação Se você estiver fazendo uso de antibióticos, pode ajudar fazer uso ao mesmo tempo de probióticos/acidophilus, e continue com o uso algumas semanas após terminar o tratamento com a droga. Isto ajudará a restaurar as bactérias naturais em seu trato digestivo que foram mortos pelos antibióticos. Algumas fontes alimentares As fontes alimentares mais comuns que apresentam L.acidophilus incluem leite, iogurte e queijo. Efeitos Colaterais Algumas pessoas podem apresentar gases ou desconforto estomacal no iní­cio, mas estes sintomas partem geralmente com uso contí­nuo. Algumas mulheres descreveram a queimadura ou a irritação na vagina quando o Lactobacillus acidophilus foi usado nesta região. Raramente, as pessoas com sistemas imunes fracos podem estar arriscadas de desenvolver uma infecção séria ao fazer uso do Lactobacillus acidophilus. Pessoas que tiveram um ferimento ou uma doença da parede intestinal; quem faz uso de drogas prescritas, tais como os corticoesteróides (prednisona), que pode torná-los vulneráveis à infecções ou quem fez cirurgia para substituir uma válvula do coração; deve falar com um médico antes de fazer uso do Lactobacillus acidophilus. Gravidez Em alguns estudos, mulheres grávidas foram tratadas com Lactobacillus acidophilus sem nenhum efeito adverso. Entretanto, se você estiver grávida, recomenda-se que uma consulta ao médico antes de usar o Lactobacillus acidophilus. Interações Com Drogas Alguns especialistas acreditam que os antibióticos ou o álcool podem destruir o Lactobacillus acidophilus. Como resultado é recomendado que o Lactobacillus acidophilus seja usado três horas após ter feito uso de antibióticos ou ter bebido o álcool. Alguns cientistas também acreditam que o Lactobacillus acidophilus pode ser destruí­do ou inativado por ácidos no estômago. Em conseqüência, sugere-se às vezes que os pacientes usem uma droga para diminuir a quantidade de ácido no estômago uma hora antes de fazer o uso de Lactobacillus acidophilus. Um exemplo é o famotidine. Interações com ervas e suplementos dietéticos Na teoria, o Lactobacillus acidophilus pode ser mais eficaz se feito uso com alimentos tais como bananas, aspargos e alho. Acredita-se que estes alimentos forneçam nutrientes que aumentam a eficácia do Lactobacillus acidophilus – São os chamados PREBIÓTICOS.
Lactobacillus acidophilus ” LA Especificações: o Lactobacillus acidophillus está disponí­vel em contagens de 1,0×109 UFC/g a 1,0×1011 UFC/g. Temperatura ótima de crescimento: 38 oC Diluentes: muitos diluentes estão disponí­veis para a padronização de contagem microbiológica. Alguns diluentes usados são: maltodextrina, amido, lactose, oligossacarí­deos e inulina. A escolha do diluente é influenciada pelo produto formado (pó, tablete, cápsula), solubilidade requerida, preferência do consumidor, etc. Vida-média/Armazenamento: Lactobacillus acidophilus permanece estável por até 12 meses em temperatura de refrigeração e com baixa umidade. Bifidobacterium bifidum As bactérias “amigáveis” são encontradas em muitos alimentos. Eles fornecem sabor a manteiga e queijos e ainda são necessários na produção de produtos em conserva e com fermento. Uma quantidade abundante desta bactéria no intestino humano é necessária para manutenção da saúde. Antibióticos podem reduzir drasticamente ou eliminar estas bactérias da microflora intestinal. Hábitos como consumo de bebidas alcoólicas, stress, antiácidos, alimento processado e uso de pesticidas, podem causar distúrbios. O número de bifidobactérias no intestino humano se torna menos abundante com o passar do tempo. Um entendimento da importância de uma população de bactérias saudáveis no cólon e o reconhecimento dos benefí­cios a saúde tem tornado muito grande o interesse pelos probióticos, principalmente lactobacillus e bifidobactérias. Bifidobacterium bifidum criam um ambiente favorável para o crescimento de bactérias “amigáveis” no intestino grosso e trato vaginal. O Bifidobacterium bifidum impede ou evita a invasão de bactérias patogênicas. Acredita-se que as bifidobactérias sintetizam vitaminas que podem ser usadas pelo corpo humano, incluindo tiamina, ácido fólico, ácido nicotí­nico, piridoxina e vitamina B12. Produzem ácido acético e lático. Acredita-se que dietas contendo bifidobactérias, de forma bem sucedida, coloniza o intestino grosso; pois podem sobreviver as enzimas do estômago e intestino fino. Também aumentam a absorção de ferro, cálcio e magnésio. Quando comparados com animais que não estavam recebendo suplementação, ratos consumindo Bifidobacterium bifidum foram protegidos contra rotavirus. Lactobacillus bulgaricus Lactobacillus bulgaricus: são bactérias gram-positivas, termofí­licas e em forma de bastão; heterofermentadora, produzindo ácido lático a partir da lactose. Resiste a elevadas concentrações de ácido lático, podendo produzi-lo até aproximadamente 2%. Tem também longa duração na maturação de queijos duros. Produz acetaldeí­do que confere sabor tí­pico ao iogurte. É baixa sua resistência ao sal, não crescendo em concentrações superiores a 2%. É destruí­da no aquecimento a 65°C por 30 minutos. Crescem bem a 45°C, mas não se desenvolve em temperaturas inferiores a 20°C. Uma bactéria transitória, mas muito importante na ecologia humana. Juntamente com o Streptococcus termophilus constituem a cultura para produção de iogurte. Sua administração oral facilita a digestão da lactose, pois aumenta a produção da enzima lactase. Algumas cepas produzem antibióticos naturais, impedindo a proliferação de outras bactérias nocivas. Em sí­ntese, a acidificação do leite, sob a ação das bactérias mencionadas constitui a antecipação de uma etapa digestiva o que torna o iogurte mais tolerável e nutritivo do que o leite natural. As espécies mais comuns, encontradas nas culturas para iogurte são as bactérias, Lactobacillus bulgaricus e Stretococcus thermophilus, caso sejam acrescentadas outras espécies de termofilos podemos ter uma acidificação muito intensa depois da refrigeração do iogurte. Ambas as espécies vivem em simbiose (com benefí­cios mútuos), sendo que, esta simbiose exige uma determinada proporção entre cocos e bacilos. A relação quantitativa entre Stretococcus thermophilus e Lactobacillus bulgaricus deve ser de 1;1 até 2;3 aproximadamente, gerando com isto um iogurte com maior ou menor viscosidade. Durante o perí­odo de incubação a relação entre as bactérias pode sofrer variações, para no final novamente ser restabelecido. A causa principal da variação é que o Lactobacillus bulgaricus desdobra facilmente as proteí­nas, e origina, assim, o aminoácido valina. Este aminoácido que vai favorecer o desenvolvimento do Stretococcus thermophilus até o ponto de chegar a ser seu número 4 a 5 vezes maior. Os cocos tem um poder de acidificação menor que os bacilos e morrem com mais facilidade devido a ação do ácido láctico formado. A proporção entre ambos influi também de uma maneira essencial sobre a aromatização do iogurte. O Lactobacillus bulgaricus é o principal condutor do aroma.
Lactobacillus casei É uma cepa de bactéria que foi isolada de humanos e foi descoberto que tolera as condições ácidas do estômago. São microorganismos vivos selecionados que conseguem atravessar a acidez do estômago, chegar vivos ao intestino e proporcionar o equilí­brio da flora intestinal. São reconhecidos como probióticos, que ingeridos em determinadas concentrações, proporcionam benefí­cios à saúde do indiví­duo, através do equilí­brio da flora intestinal. As espécies de Lactobacillus são mais efetivas do que muitas outras bactérias para sobreviver a passagem através do trato intestinal para efetivamente colonizar o trato digestivo e balancear a microflora intestinal. O Lactobacillus provou que resisti ao ácido gástrico e bile, adere a mucosa do intestino, coloniza o trato gastrointestinal e luta contra patógenos potenciais, tais como: E. coli, Streptococci, Clostridia e Salmonella. Lactobacillus casei são encontrados naturalmente em leites e carnes fermentadas, assim como no intestino humano, boca e no meio ambiente. O nome L. casei foi primeiro usado em 1904, e o nome sugere sua “relação” com queijo: tanto o casei, quanto caseí­na (a primeira proteí­na no leite) tem origem da palavra latim caseis, que significa queijo. O crescimento do L. casei ocorre em 15 mas não em 45ºC, e requer riboflavona, ácido fólico, pantotenato de cálcio, e os fatores de crescimento niacina. O L. casei é uma espécie notavelmente adaptável, e pode ser isolado dos produtos derivados de leite crus e fermentados, dos produtos frescos e fermentados da planta, e do trato reprodutivo e intestinal dos seres humanos e outros animais. Industrialmente, o L. casei tem aplicação como probiótico humano (promove a cultura viva), como cultura de partida de ácido- produção para fermentação do leite, e especialmente como culturas para intensificação e aceleração do desenvolvimento do sabor em determinadas variedades de queijo. São células gram-positivas que diferem em alguns pontos dos demais Lactobacillus: são menores no tamanho do que os L. bulgaricus, L. acidophilus e L.helveticus e são facultativamente heterofermentativos. Esse texto foi elaborado por Vivian da Conceição Martinez (Bióloga) para IdealFarma.

Conheça também as nossas redes sociais:

Instagram: @pfeldman

Facebook: Comida de Verdade, por Pat Feldman

Periscope: PatFeldman


Envie para um amigo Envie para um amigo Versão para impressão Versão para impressão

{ 119 comments }

cosmica February 8, 2007 at 6:33

cara, quanta info, nunca mais vou ver um yakult da mesma maneira. =)

marina s fernandes da silva September 23, 2013 at 10:26

posso dar lactobacillus acidophilus para criança que tem alergia a lactose

patblog February 8, 2007 at 7:21

Eles não estão só nos yakults da vida!! Qualquer iogurte de boa qualidade é obtido através da ação desses lactobacillus!

franciane March 5, 2008 at 21:42

Oi,preciso que você me ajude com o termo lactobacilius e suas caracteristicas especificas em tratamentos de doenças, seus efeitos benéficos a saúde humana.E quais seus empregos no ramo leiteiro.

Desde já,muito obrigada.

laerte September 13, 2008 at 16:03

antigamente conseguia multiplicar lactobacilus atraves de pequenos globulos(bolotas de leite) que iam crescendo e se multiplicando quando colocados numa vazilha com leite fresco.
Gostaria que me informassem por gentileza como conseguir esses “globulos” para novamente iniciar uma cultura.
grato pelas informções
Laerte

Mara Sueli Silva June 5, 2016 at 18:01

esses aos quais vc se refere eh o kefir…vc encontra a venda no facebook. busque la

Laerte September 13, 2008 at 16:11

estou a procura de informções de como conseguir lactobacillus”bolotas de leite” que colocadas em uma vazilha com leite fresco vão crescendo e se multiplicando formando uma cultura.
grato
Laerte

leticia July 9, 2014 at 13:50

O que procuras é kefir, tem vários grupos no face só sobre ele, inclusive doações.

Thais C K July 25, 2014 at 10:17

Conheço essa moça que é de Curitiba e que remete o kefir via correio, cobrando somente o valor do frete…
https://www.facebook.com/ANJOEVIDA?ref=ts&fref=ts
Abçs,

Thais

Iara September 19, 2008 at 12:40

Há mais de trinta anos, venho ensinando sobre a importancia desses
alimentos, sinto-me uma semeadora, e aos poucos vamos tendo resultados, os véus caem, e tudo é tao simples…
Basta harmonizarmo-nos com a natureza….
Tambem gostaria de saber sobre essas bolas de lactobacilos, eu acredito que sao tiradas do intestino dos porcos.
Gostaria de mais informações.
òtimos artigos.

Vera Lucia October 8, 2008 at 15:00

Eu acredito que as bolotas que vocês estejam falando, se trata do Kefir,que são lactobacilos cultivados no leite.
Entrar no site de procura e digitar Kefir,que vocês vão saber tudo sobre esses lactobacilos.

Saionara October 13, 2008 at 14:44

qual a quantidade diaria recomendada de lactobacillus para uma pessoa que necessita equilibrar sua flora intestinal? e qual o mais indicado?
pode haver associaçoes de lactobacillus?
muito obrigado…
aguardo resposta

Pat Feldman October 13, 2008 at 18:10

Saionara, detalhes assim não são minha especialidade, mas posso te dar a minha palavra, a palavra de alguém que sofreu muuuuito com intestino preso a vida toda.

Em torno de uma xícara de iogurte por dia é uma quantidade razoável e fácil de consumir. Faz efeito!

Aqui em casa eu faço o iogurte sempre usando a isca do iogurte anterior, mas nas vezes em que é necessário comprar lactobacillus novos, eu compro Rich e BioRich, que são diferentes. Uso junto. Fica perfeito!

Nos Estados Unidos eu já vi preparados para iogurte com até 9 tipos diferentes de lactobacillus num mesmo produto!

Maria Clélia December 30, 2008 at 18:46

OI!
Uma vez os bacilos curtos (da vagina) aumentaram (++) e os de Doderlein (+) diminuiram. Deu uma dor danada no meu aparelho genital e tive que colocar lacitobacilus acidófilos dentro da vagina, para voltar à flora normal.
Agora os curtos voltaram a crescer (++) e os de Doderlein (++) estão mais fracos que os primeiros: posso usar iogurte natural ou Yakult para colocar na região genital??? Não estou mais encontrando lactobacilus acidófilos nas farmácias na minha cidade, apenas em cápsula, em gel não!!!!

Pat Feldman December 30, 2008 at 19:25

Maria Clélia, você pode usar iogurte natural integral (caseiro de preferência) ou, melhor ainda, o soro de iogurte.

CISSIA MAIA February 26, 2009 at 12:48

Minha prima tem 5 meses e tem alergia a leite e ovo, ela esta com diarreia e o yakult, como se sabe, é bom para a flora intestinal. Gostaria de saber se este tipo de lactobacilus pode ser ingerido por ela apesar das alergias?
Obrigada!!!

Pat Feldman February 26, 2009 at 13:31

Se ela tem intolerância à lactose leve, pode tentar o iogurte, talvez diluído em água, porém se o problema é com a proteína do leite, melhor evitar. Consulte o pediatra dela para se informar sobre probióticos em pó, que podem ser misturados a qualquer líquido.

Adenilza Oliveira March 2, 2009 at 21:52

Boa noite! Meu médico receitou acidophilus 4×6 (60 capsulas)para tomar. Até agora só sei de um lugar que vende, trata-se de um representante NOW FOODS. Achei muito caro. Em que tipo de lugar posso comprar? Moro em Curitiba.
Por favor, me responda por e-mail, pois não consigo ficar acessando a net.
Grata. Adenilza

Pat Feldman March 3, 2009 at 6:44

Adenilza, não conheço nehum fornecedor. Sinto muito.

Alexandre Lemos March 12, 2009 at 23:24

Oi Pat. Será você pode me responder o seguinte…

Gostaria de saber se tem como produzir lactobacilus em iogurteira com leite de soja??? Caso sim, teria que ser com o extrato de soja em pó misturado com água pura e filtrada ou pode ser os de caixinha mesmo visto que os de caixinha vem misturado com certas substâncias???

O tempo de preparo é diferente do leite de vaca?
Pode ser usado o produto Rich ou o Bio Rich para preparo com o leite de soja???
Qual a diferença de um para o outro para preparo com o leite de soja???

Se poder me responder essas perguntas te agradeço de montão Pat

Pat Feldman March 13, 2009 at 0:13

Alexandre, essa eu vou ter que ficar te devendo!! Não tenho a menor idéia se os lactobacillus usados no leite de vaca para preparar igurte servem também para o leite de soja, e te confesso que depois de tudo de ruim que já pesquisei à respeito da soja, nem me interessei em saber…

Se pintar alguma informação a esse respeito por aí, pode deixar que te aviso do mesmo jeito!

leticia July 9, 2014 at 14:00

Alexandre,
em tese, podes usar o kefir em qualquer tipo de leite (vaca, côco, cabra…) vai depender do teu gosto pessoal.

Alexandre Lemos March 13, 2009 at 17:18

Ahh Valeu Paty. Verifiquei sobre o lactobacilo para fazer iogurte com leite de soja e é possível sim de se fazer… Porém a consistência pode não ficar igual, mais é possivel sim enclusive com o Bio Rich mesmo.

** É possível preparar ‘iogurte’ de soja com os fermentos BioRICH®, entretanto, as características do iogurte produzido serão diferentes das normalmente obtidas utilizando-se leite de vaca, principalmente no que se refere à consistência, sendo observado com maior freqüência, a formação de soro no produto final. Para evitar ou diminuir a formação de soro, recomendamos adicionar uma colher de amido de milho a cada litro da bebida de soja, aquecer sob agitação até o ponto de fervura, resfriar para 40-43°C e proceder ao preparo do iogurte conforme as orientações no verso da embalagem do fermento **

Tem uma referência interessante e bem técnica sobre o assunto também:
http://www.sepex.ufsc.br/anais_6/trabalhos/149.html#topo

Você comentou: e te confesso que depois de tudo de ruim que já pesquisei à respeito da soja…
Você tem referências sobre esse assunto pois fiquei interrssado.

Pat Feldman March 13, 2009 at 17:36

Alexandre, aqui no site existem diversos textos, todos baseados em estudos sérios:

http://pat.feldman.com.br/?p=859

http://pat.feldman.com.br/?p=5

http://pat.feldman.com.br/?p=2204

http://pat.feldman.com.br/?p=1507

E se você lê inglês, tenho um ótimo livro para te recomendar: http://www.amazon.com/Whole-Soy-Story-Americas-Favorite/dp/0967089751/ref=pd_bbs_sr_1?ie=UTF8&s=books&qid=1236976542&sr=8-1

Espero que ajude!

Alexandre Lemos March 13, 2009 at 18:09

Paty,

Muito boa a literatura informada, gostei.

Alexandre Lemos March 13, 2009 at 18:53

Eh Paty,
Estive olhando seu site e tem muita mais muita coisa boa e interessante!!!
A disposição e gratuito para que todos vejam!!!
Parabéns!

Você tem ou conhece algum artigo com embasamento em diferença medicinal e de lactobacilos contidos em Kefir com leite de vaca e com água e açucar mascavo???

Pat Feldman March 13, 2009 at 19:06

Alexandre, me falta estudar mais sobre os lactobacillus, sobre a ação particular de cada um deles – existe bastnte material interessante, eu só preciso encotrar tempo para parar, ler e entender! O que eu sei com toda a certeza é que os lactobacillus são absolutamente fundamentais para a nossa saúde e de uma forma ou de outra eles jamais deveriam faltar na nossa rotina alimentar.

Pat Feldman March 13, 2009 at 19:07

À propósito, eu pesquiso e escrevo tudo isso porque realmente gosto muito e sei da importância de divulgar informações saudáveis que infelizmente não são interessantes comercialmente…

Felipe March 23, 2009 at 12:07

Olá,
Gostaria de saber onde posso encontrar o Lactobacillus Acidophilus.. em capsulas??

Abraços.

Hellen Christine Pereira Carvalho Mattos March 30, 2009 at 23:16

Olá! Gostei muito deste espaço!
Me informe, por favor!
Meu médico receitou 15 cápsulas de PREBIOVAC POOL LACT 10 bilhões. Observei que na fórmula manipulada em laboratório diz o seguinte: lactobacillus bulgaricus 3,33 blh; lactobacillus acidophilus 3,33 blh; lactobacillus bifidum 3,33 blh;suspensão qsp 10 ml, e são 15 doses desta que devo tomar. O que posso esperar de bom?

Pat Feldman March 30, 2009 at 23:20

Hellen, eu não tenho informações específicas sobre cada um desses lactobacillus que você citou, porém manter uma folra intestinal saudável é fundamental para um bom funcionamento do intestino e também para fortalecer o sistema imunológico. Só isso já é coisa boa demais, não acha?

Eldir March 31, 2009 at 21:35

Já estou fazendo iogurte caseiro, tenho uma dúvida quanto devo comer ao dia , se usar diáriamente engorda?

Mônica Alves Felipe Dos Santos April 4, 2009 at 9:38

Como eu posso fazer para ter lactobacillus cliados em açucar mascavo, meu médico recomendou mais eu não consigo comprar, como posso fazer para telos em casa?????

Pat Feldman April 4, 2009 at 10:28

Monica, eu nuca ouvi falar de lactobacillus criados em açúcar mascavo… Vou ver se consigo pesquisar alguma coisa e te falo.

Teu mádico não passou os detalhes?

Jane December 14, 2014 at 22:40

Chama-se Kefir de água, procure no facebook o fruto kefir Brasil, encontrará diversos doadores.

Maria April 12, 2009 at 17:58

Meus médicos(ginecologista e hortomolecular) me receitam e faço uso diário de POOL DE LACTOBACILLUS-FOS. PODERIA ME DAR MAIORES INFORMAÇÕES sobre esst medicamento?

Pat Feldman April 12, 2009 at 18:26

Maria, aqui no site nós temos a politica de jamais dar informações sobre medicamentos. Se ficou alguma dúvida quanto ao uso do medicamento receitado pelo seu médico, não deixe de conversar com ele antes de iniciar o tratamento.

marianna April 13, 2009 at 21:33

como faço para obter o lacbacilos kfer para consumo proprio ?
me mande por favor algum contato
desde já obrigada

Michely Souto Sampaio April 24, 2009 at 21:56

Estou a procura de informções de como conseguir lactobacillus”bolotas de leite” que colocadas em uma vazilha com leite fresco vão crescendo e se multiplicando formando uma cultura.Fiquei sabendo que tem um site que fornece.
Desde já agradeço.
Michely

Alexandre Lemos April 25, 2009 at 16:29

Michely,

Da uma olhada no site: http://www.kefir.xpg.com.br
Nele vc encontra diversas informaçoes sobre lactobacilus em especifico o Kefir cultivado em agua ou leite.
Obs: Esse lactobacillus”bolotas de leite” que vc diz nunca ouvi falar porem conheco o lactobacilus Kefir de leite que provavelmente deve ser esse que voce quiz dizer…
No site mencionado tem informaçoes bem interessantes sobre ele e pessoas que enviam ele para vc pelo correio.
O Kefir, tanto o cultivado em agua ou leite, é na minha opiniao o melhor lactobacilus que existe pois nao requer muito trabalho para cultivo e sua colonia se bem cuidada dura anos!

daniele May 1, 2009 at 16:21

essa informações ajudam muito quem se imforma gosto de sempre dar uma olhadinha pois aprendo para cuidar melhor de minha familia.

claudio May 2, 2009 at 19:38

Tudo bem Pat Feldman , gostaria de saber onde encontrar aqui no Brasil Lactobacilos acidófilos . Agradecido

Paulo Cunha May 17, 2009 at 0:10

Tenho um filho autista que piora muito qdo ingere leite e derivados, por causa da caseina. Este lactobacilo casei seria similar à caseina ou apenas têm nomes parecidos (sei que uma é proteina e outra é bactéria).

Keila May 28, 2009 at 19:21

gostaria de saber como conseguir Lactobacillus acidophilus e se existe em cápsula?

ke May 31, 2009 at 20:39

qual a diferença entre as variadas marcas de leite fermentado encontradas no mercado?

neide aparecida marcondes September 9, 2009 at 22:36

querida amiga sofro de sindrome do intestino irritado naõ posso com leite ,durante muito tempo tomei muito anti-imflamatório devido problema de coluna acho que isso pode ter ajudado ,gostaria de saber qual lactobacílos eu poderia tomar ,aguardo sua resposta obrigada

PAULO September 26, 2009 at 11:14

MEU SOBRINHO TEM 10 MESES E ESTÁ COM UM POUCO DE DIARRÉIA, ENTÃO, ELE PODE TOMAR LACTOBACILLUS? LEVANDO EM CONSIDERAÇÃO A IDADE DELE.

Pat Feldman September 26, 2009 at 17:13

Paulo, mais ou menos nessa idade meu filho teve uma diarréia. Vou contar como eu fiz.

Com diarréia o fundamental é manter a criança sempre bem hidratada, ou oferecendo muita água e água de coco em casa ou, em casos extremos, levar a um hospital e aplicar soro – um médico responsável pode decidir a melhor conduta. Meu filho aceitava se hidratar em casa, tomava água e água de coco FRESCA à vontade.

Como a diarréia acaba com a flora intestinal, é importante repô-la, até porque isso ajuda a melhora. Ofereça muita água, na mamadeira ou copo, a forma como ele estiver mais acostumado, e dilua uma colher de sopa de iogurtenatural integral nessa água. Ali terá lactobacilos o suficiente para ir aos poucos refazendo a flora intestinal, sem sobrecarregar o sistema digestivo. Mas não pode bobear! Se a diarréia ficar grave ou não ceder, há que procurar um pronto socorro ou, de preferência, um médico da confiança de vocês.

Alexandre Nascimento October 1, 2009 at 13:39

Olá! Minha filha tem 2 anos, e só de uns dois meses pra cá parou de mamar exclusivamente no peito e passou a aceitar outros alimentos. O problema é que ela está com dificuldade intestinal. Leva de dois a três dias para ir ao banheiro e sente dores. Li sobre os lactobacilos, mas conheço pouco sobre esse assunto. Atualmente estou dando a ela apenas alimentos sem lactose, na prevenção de que possa ser alguma alergia derivada do leite de vaca. Quê tipo de alimento eu poderia utilizar para regular sua flora intestinal? Ouvi dizer que o yakult ajuta muito. Qual sua opinião?
Agradeço antecipadamente.

Pat Feldman October 1, 2009 at 17:55

Alexandre, o iogurte, kefir de leite e outros leites fermentados contém muito pouco ou quase nada de lactose, já que a fermentação utiliza exatamente a lactose, o açúcar do leite, como combustível para a fermentação. A melhor forma de melhorar o funcionamento intestinal dela é inserir alimentos fermentados na rotina: kefir, iogurte natural integral e conservas caseiras lacto-fermentadas. CLIQUE AQUI e leia o que já escrevi sobre intestino preso.

Janaine October 9, 2009 at 23:43

tô fazendo uma pesquisa cientifica para um trabalho da faculdade
e achei esse artigo muito interessante e importante base para o meu artigo cientifico
a ser criado…!

Raquel November 25, 2009 at 23:27

Olá, meu nome é Raquel e gostaria de saber qual lactobacillus posso mandar manipular em ovulos para colocar na vagina junto com o acidofhillus e o rhamnosus para tratar a candidíase, o bulcaricus ou o B.bififum?

Pat Feldman November 26, 2009 at 6:37

Raquel, isso só um médico poderá fazer para você. Numa palestra que ouvi de uma médica ano passado, ela sugeriu fazer banhos de bacia (ou bidê) com água e iogurte, simplesmente.

Aline paula March 13, 2010 at 11:30

Olá, estou em busca de saber quais os tipos de lactobacillus que podem causar uma patologia.
BJS!

Ale June 1, 2010 at 20:54

gostaria de saber onde encontro yakut natural,

Pat Feldman June 1, 2010 at 21:11

Ale, você pode preparar em casa, aqui no site tem a receita: http://pat.feldman.com.br/?p=197

Ale June 3, 2010 at 9:08

Óla Pat eu estou achando o seu sit o maxímo.
eu não sei se vc ja ouviu falar de canídíase, eu sofro desse mal a 5 anos, desde moça, já tive 2 jestação e perdi, fui desenganada pelos genecologistas, os zool que eles receitão não faz mais efeito nem na hora,eles me disseram que isso sempre vai voltar, mais o problema é que nem vai mais, se alojou, sei que o meu problema é resistênçia fraca, ou seja o meu n° de acidophilos e menor que o n° de albicans, e a minha ataca nas partes intimas, eu gostaria de saber como faço o soro do iorgut natural, se eu posso aplicá-lo na varginia a fim de aumentar o n° de acidophilos.
gostaria de saber também qual o nome da fava para fazer extrato de baunilia natural, de que forma posso procurá-la.

Pat Feldman June 3, 2010 at 9:41

Ale, aqui no site eu já ensinei como obter o soro de iogurte, é muito fácil! http://pat.feldman.com.br/?p=44

Ale June 3, 2010 at 12:44

Gostaria de saber também qual o nome da fava para fazer extrato de baunilia natural, de que forma posso procurá-la.

Divina Damata July 3, 2010 at 21:49

Boa noite. Ganhei uma isca de lactobacillus, mas não sei qual e a sua especie. Eles são cultivados em agua e açucar mascavo. Eles tem aparecencia de pequenos grão de gelatina de cor branca ou transparente. Me ensinaram que deve trocar a agua todos os dias e beber a agua. Gostaria de saber qual e esse tipo de lactobacillus e se pode além de beber a agua, ingerilos. Muito obrigada.

Pat Feldman July 3, 2010 at 22:01

Divina, pelo que você descreve, você tem em mãos o kefir de água.

Alexandre July 4, 2010 at 2:06

** Divina Damata **

Provavelmente seja Kefir de água mesmo e caso seja, tu podes deixar em água sempre filtrada(nunca de torneira!) com em média uma colher de sopa(cheia) para cada 04 05 colheres de sopa de grãos.
Caso esteja com pouca quantidade de grãos ainda coloque em média 03 04 colherzinhas de café(depende da quantidade de grãos…)

Deixe em repouso de 12 até 24 horas para poder tormar.
12 horas – fica mais leve
24 horas – fica bem mais fermentado e com gostinho mais azedo hehe
Obs: Entre 24 e 36 horas sem trocar a água é indicado pra quem está com o intestino bem solto, pois ajuda a segurar e regularizar o intestino.
Se tu cuidar bem dos grãos(colônia) ela vai aumentar todo dia e rapidamente…
Em relação a comer os grãos, tu pode sim! Vai fazer melhor ainda para o seu organismo!!! Eles tem um gosto meio estranho, mas se tu não se importar e mandar pra dentro, seu organismo só tem a ganhar!
Eu chego a comer 02 colheres deles por dia, porque meus grãos aumentam rapidamente e eu não tenho pra quem doar toda hora, e não tem porquê eu jogá-los no lixo sendo que posso comê-los, pois fazem bem pra saúde.

Comece tomando pouca quantidade da água fermentada diariamente, algo em torno de um copo, depois vai aumentando a quantidade bem aos poucos(tenha paciência)… 1 copo e meio, 02 copos, 03 copos etc… Pode ser tomado até 1 litro, 1 1/2 e meio por dia no máximo – mais pra essa quantidade só depois de um bom tempo, em que tu vá aos poucos acostumando seu organismo…
E outro detalhe muito, mais muito importante! Faça uma boa alimentação diaria e tome sagradamente seu kefir! Que em poucas semanas tu certamente vai sentir mais disposição… Não fique achando que tu começou a tomar recentemente como descreveu e literalmente da noite para o dia vai virar o super homem hehehe
O segredo é a paciência(deixar o tempo passar) e uma boa alimentação.

Obs: quando tu for coar os grãos pra fazer a troca da água nunca use peneira de metal! Use de plástico, caso contrário tu pode ir aos poucos matando os grãos e interferir na fermentação dos grãos. E consequentemente na qualidade dos probióticos da fermentação.
Tem o Kefir de leite também, são bem branquinhos e fermentam através do próprio açucar do leite a lactose.
Existem alguns estudos que apontam a existência de + de 20 lactobacillus no kefir de leite após uma média de 12 horas de fermentação, e propriedades anti-cancerigenas também.
Em média a cada uma semana lave seus grãos, sempre com água filtrada ou mineral.
Tanto o Kefir de aguá quanto o de leite são uma dádiva, se bem cuidados!!!
Um verdadeiro presente dos Céus!

Boa sorte!

Alexandre July 20, 2010 at 9:29

como posso conseguir/ comprar/ ganhar… este tipo de lactobacillus kefir de agua ou de leite?
meu nome é alexandre. obrigado

Alexandre July 22, 2010 at 16:07

** Para Alexandre **

Vai no Orkut e digita em buscas: Kefir. Tem 02 comunidades que são as principais(maior quantidade de membros), e dentre essas 02 tem uma que tem um tópico de pessoas do Brasil inteiro que fazem doações do Kefir tanto de água, quanto o de leite.
Veja se tu acha alguém da sua região. As vezes da a sorte de achar alguém do seu bairro aí fica até mais fácil. Do contrário escolha alguém não muito distante e verifique o preço para envio pelos correios. Todas as pessoas que tem nessa comunidade não cobram nada pelo Kefir e sim apenas pelo custo de envio via Correios.
Nas 02 comunidades tem bastente material que aborda sobre Kefir.

marize September 27, 2010 at 12:58

Por favor, oriente-me: para ingerir um pool de probióticos de 2 cepas em cápsulas, qual tipo e a quantidade de cada lactobacilo devo pedir para manipular? Obrigada.

Pat Feldman September 27, 2010 at 13:05

Marize, fórmulas manipuladas devem ser pedidas sempre por um médico. Daqui eu posso apenas recomendar o consumo rotineiro de iogurte e outros alimentos lactofermentados.

Régis February 6, 2011 at 1:46

Olá!

Saberia me dizer se verdade que quando o iogurte natural industrializado chega nas prateleiras dos mercados os lactobacilos usados na preparação já estão mortos? Que o ideal seria fazer caseiramente o iogurte?

Li também os comentários sobre a soja. Tenho um material que diz que soja só faz bem se passar por um processo de fermentação típico que os orientais fazem.

Se a soja não passar por uma fermentação adequada, que leva um bom tempo, traz realmente malefícios. A soja tem elementos quiímicos danosos para o ser humano e que o processo de ferrmentação consegue eliminá-los. Não sou da área e não tenho como afirmar se esse material que tenho é verdadeiro, mas se repararmos que os orientais têm um conhecimento inato do que comem, e são muitos para comer, se pudessem tomar leite de soja que é o grão triturado ou carne de soja estariam fazendo isso há centenas de anos, mas não fazem assim. Acho que tem uma forte razão para eles fermentarem a soja e só comerem produtos fermentados.

Agradeço.

Pat Feldman February 6, 2011 at 3:29

Regis, tudo o que você puder fazer em casa será sempre melhor, afinal é a maneira que você tem de garantir o que está colocando na sua comida. Nem todo iogurte industrializado é “morto”, tanto que é possível usá-los de isca para fazer seu prórpio iogurte em casa – eu dou a receita aqui: http://pat.feldman.com.br/?p=34

Quanto à soja, é isso mesmo! Aqui no site eu já publiquei diversos textos sobre o assunto!

sirlei February 21, 2011 at 12:27

entrei pela primeira vez neste site e gostei muito,gostaria de saber se tem algum ingrediente que possa substituir o oleo de coco.bjs

leandro May 4, 2011 at 20:26

Pat, posso reproduzir o iogurte feito com bio rich?
Obs: no site da fabricante fala que se reproduzir perdera a capacidade probiótica.
Muito obrigado

Pat Feldman May 4, 2011 at 22:13

Pode reproduzir sim. Se ele perdesse a capacidade probiótica, não transformaria mais o leite em iogurte.

Lilitu June 26, 2011 at 19:05

Oi Pat,

Por gentileza, você sabe se posso dar o iogurte para gatinhos filhotes?

obrigada!

Pat Feldman June 26, 2011 at 20:02

a sylvia, do site http://www.cachorroverde.com.br e especialista no assunto, disse que pode. bjs

vanuza zarembski June 27, 2011 at 15:49

adorei as imformações ajudou muito amei

Lilitu June 27, 2011 at 21:08

Muito obrigada, adorei o site, não conhecia!
O seu site já conhecia… e depois que comecei a deixar o feijão de molho no limão e água quente nunca mais tive problemas! =)
Parabéns pelo trabalho. Excelente!
Beijos!

Juliana July 16, 2011 at 13:22

olá Pat,
Eu estou fazendo um projeto experimental sobre a reprodução de lactobacilos casei, gostaria de saber se os lactobacilos se reproduzem em outros tipos de leite, além do leite de vaca, também no leite de cabra, soja,.. sem precisar ser desnatado. Você conhece alguma coisa sobre isso? Será que apenas acrescentando o yakult no leite e esperar um dia os lactobacilos já se reproduzem??

Parabéns pelo site..muito interessante!!!

Pat Feldman July 17, 2011 at 18:53

juliana, só testando para saber. eu nunca testei….

Sergio August 9, 2011 at 13:32

Ola Pat,

Onde posso encontrar para comprar o lactobacilos casei, usado na producao do Yakult?
Obrigado!

ceciliagarciapeinado@terra.com.br May 21, 2012 at 8:44

gostaria de saber onde encontrar o lactobacillus casei. por favor, aguardo retorno. Cecília.

nicola November 9, 2012 at 13:29

eu mesmo faco a pergunta :
ONDE PODE ENCONTRAT O MLACTOBACILLUS CASEI? E O BULGARICO? QUERO PRODUCIR EM CASA O YOGURTE OBRIGADO

MICHELY SILVA December 18, 2012 at 10:28

OI, BOM DIA! MINHA MÉDICA PASSOU PARA MIM UM TRATAMENTO DE 3 MESES COM LACTOBACILLUS E ÔMEGA 3 FEITOS EM FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO, DEPOIS QUE INICIEI O TRATAMENTO PERCEBI QUE ENGORDEI, GOSTARIA DE SABER SE O LACTOBACILLUS OU O ÔMEGA 3 ENGORDA? OBRIGADA, MICHELY.

Pat Feldman December 18, 2012 at 13:12

Que eu saiba, não engorda nadinha e em muitos casos até ajuda a emagrecer!

Vítor Vilaça April 4, 2013 at 20:50

Olá, gostaria de perguntar se a acidez estomacal não mata os lactobacillus que ingerimos no leite fermentado e iogurtes por exemplo, já que a maioria das bactérias são mortas nesse órgão.
Obrigado!

Andre Felipe Santos April 12, 2013 at 22:46

Realmente ajuda muito, eu uso 2 yakults para 1 litro de leite desnatado fervido, em 2 dias dentro de uma garrafa todo o leite vira yakult, eu jogo um açucar derretido e essencia de baunilha, tomando 1 copo grande por dia em pouco tempo melhora quase que o corpo inteiro, falo isso pq eu tinha meu sistema digestivo todo zuado por causa de 10 anos de abuso de drogas e alcool, na boa quem procura melhorar ta ae a solução.

Sandra September 20, 2013 at 18:00

Eu iniciei um tratamento com prolive (probiótico), recomendado por um urologista, pelas diversas infecçoes urinarias que tenho, vamos ver com o tempo o que acontece!
abraços.

Andressa September 26, 2015 at 19:40

Por favor volte pra contar se melhorou! Passo por isso tbm!

tania December 6, 2013 at 21:34

oi essa empresa entrega em casa…moro na Praia Grande-Ocian

Neula May 28, 2014 at 15:54

Boa tarde, Pat,

Aprendi há muito tempo a fazer o iogurte diferente, sem a bactéria em pó.

INGREDIENTES:
01 litro de leite e 01 colher de sopa bem cheia de iogurte desnatado integral (Comprado pronto).

Coloco em uma panela de inox e deixo ferver, desligo e deixo ficar em temperatura agradável, (quando vc consegue colocar o dedo e tirar sem sentir quente nem frio, digamos morninho)
Coloco em um pote de vidro, cubro com pano de prato (como antigamente)
Coloco dentro do forno desligado até o outro dia, geralmente faço à noite. Se o tempo estiver frio demorará mais um pouco para ficar bom.

Pode bater com frutas, mas, geralmente, como estou em uma dieta que não posso comer açúcar, coloco umas gostas de adoçante e fica uma delícia, puro mesmo.

Dessa forma você acha que não fica bom?
Responda-me outra coisa: no suco verde, o que vc chama de soro do iogurte, posso substituir por este iogurte que faço? Pq não vejo soro nele. :)

Pat Feldman May 28, 2014 at 18:35

Neula, tudo certo, também dá pra fazer desse teu jeito. Eu só não recomendo DE JEITO NENHUM o uso de adoçantes artificiais.

Neula May 28, 2014 at 23:07

Que adoçante recomenda? Stévia eu não achei bom, não adoça :( . Como tenho que usar, me preocupo muito, queria uma alternativa.

Beijo!

Pat Feldman May 29, 2014 at 5:31

Neula, na minha opinião o ideal mesmo é reeducar o paladar e não sentir necessidade de adoçar, mas se for o caso, bata o iogurte com frutas bem doces.

Neula May 28, 2014 at 23:08

Pat, o que é esse soro do iogurte que você fala para usar no suco verde?

Pat Feldman May 29, 2014 at 5:28

É este aqui Neula, esqueci de colocar o link, já vou corrigir: http://pat.feldman.com.br/2009/07/16/soro-de-leite-fermentado-e-cream-cheese/

Milena August 22, 2014 at 21:49

Pat, onde moro não acho leite cru, compro o leitissimo baixa lactose conhece?
Pois tenho intolerância a lactose.
Vc acha que meu iogurte perde muitos nutrientes?

Pat Feldman August 23, 2014 at 7:42

Milena, que eu saiba o leitíssimo é UHT, o tipo mais agressivo de pasteurização.

Milena August 23, 2014 at 14:24

E qual vc me indicaria comprar?

Pat Feldman August 23, 2014 at 20:50

Pode comprar qualquer um dos dois. Os dois são bons!

Milena August 23, 2014 at 21:35

O leitissimo mesmo?

Milena August 23, 2014 at 21:37

Pat, 3 perguntas :
-O leite cm havia me dito q dps de 8,9meses posso tirar lactose da fórmula, aí tenho q diminuir quantidade de água ou não? O processo é todo igual?
-já posso cozinhar legumes e frutas com casca?
-e os grãos (lentilha, feijão, grão de bico, milho) qual idade melhor pra começar a dar?

FÁBIO August 28, 2014 at 19:58

Olá Pat,
gostaria de saber se o lactobacilo casei(yakult) mata outro tipo de bactéria, por exemplo, bactérias que causam sinusite?
Obrigado

Pat Feldman August 30, 2014 at 19:55

Fábio, não mata, mas um organismo bem povoado com “bactérias do bem” não deixa que as “bactérias do mal” se espalhem.

Berta Theodosis September 25, 2014 at 20:02

Pat eu consumo o kefir, qual é a sua opinião????

Pat Feldman September 26, 2014 at 14:50

Acho kefir uma ótima fonte de probióticos!

Raquel R. Pavão Köberle November 10, 2014 at 10:24

Eu faço yogurte com CASPIAN SEA YOGURT ou IOGURTE DO MAR CÁSPIO.

O que vcs acham? É muito gostoso.

Antes eu fazia com o kefir, mas com o calor estava ficando muito ácido e não conseguia comer. Às vezes me dava até azia, mesmo deixando durante 12 horas.

E eu tenho candidíase e gostaria de saber se esse iogurte – CASPIAN SEA YOGURT ou IOGURTE DO MAR CÁSPIO – também é bom para curar a candidíase. Obrigada!

ERICA January 23, 2015 at 15:21

Oi pat, não fermentação do iorgute não ja contem esses lactobacilos?

Lívia August 23, 2015 at 11:46

Oi Pat, no caso de bbs até 1 ano q nao podem tomar leite ou iogurte, vc recomenda o uso do lactobacilo em gota? Ele tomou até 3 meses para melhorar dos gases, mas suspendi. se a mae toma o iogurte, passa pro leite materno? Meu filho está sofrendo com constipação e a solução dos médicos é laxante, não quero dar laxante pra ele :(

Sezar Sassson August 24, 2015 at 16:19

Permita-me fazer uma correção. No texto, aparece a seguinte frase: “Outras bactérias amigáveis incluem: L. bulgaricus, L. reuteri, L. plantarum, L. casei, B. bifidus, S. salivarius, S. thermophilus e Saccharomyces boulardii.”. Ocorre que o último é até amigável, mas não é uma bactéria. Os Saccharomyces são classificados como fungos, comumente chamados de leveduras, que fermentam os açúcares, produzido gás carbônico e álcool e são utilizados na produção de cervejas, vinhos, massas de pão e de pizza, álcool combustível. Abraços.

Maria Lúcia November 18, 2015 at 19:03

Por favor gostaria de saber quais lactobacilus, devo tomar para a Colite Ulcerativa (reto-colite).

Fabiola Peiker Amatti January 30, 2016 at 10:46

Se o lactobaciolos vivo se alimenta da proteína do leite que é a lactose, do que ele se alimenta no leite sem lactose?
Fiz o teste ele se prolifera perfeitamente igual como no leite integrar. Ele se alimenta da lactase? Como ele faz pra sobreviver? Ele pode gerar alguma toxina se proliferando em um ambiente sem lactose?

Att
Fabíola

Pat Feldman January 31, 2016 at 19:46

Fabiola, creio que você esteja um pouco confusa. Vamos esclarecer:
– lactose = açúcar
– caseína = proteína (uma de muitas presentes no leite)
– lactase = enzima que auxilia na digestão do leite
Em geral os leites ditos sem lactose têm apenas teor reduzido de lactose E adição de lactase.

Sofia March 14, 2016 at 17:23

Pat, você já fez iogurte de leite de coco caseiro com capsulas de probióticos? se sim, ele ficou com textura de iogurte?
não sei se os probióticos proliferam no leite de coco.
beijo

Pat Feldman March 14, 2016 at 19:17

Nunca fiz nem nunca provei, mas já ouvi falar de gente que faz e gosta.

Silvio March 15, 2016 at 15:19

Como fazer yorgute caseiro com leite desnatado e Leiba?

Pat Feldman March 15, 2016 at 18:34

O que é Leiba?

Marla April 24, 2016 at 3:28

Olá,

Minha médica me receitou 60 cápsulas e estou tomando lactobacillus bulgaricus 2 ufc – bifidum 2 ufc – rhamnosus 1 ufc – acidophilus 2 ufc… gostaria de saber se existe algum exame que se faz para saber por quanto tempo terei que tomar? ou só as 60 cápsulas é o máximo recomendado? grata

marina pereira rosa May 24, 2016 at 22:35

gostaria de saber oque fazer com os lactobacillus que aumentam todos os dias,eles podem serem ingeridos?

Marcos Oliveira de Souza September 26, 2016 at 15:54

Boa tarde, nesse comentario você salienta que ao ingerir esse probiotico poderá apresentar gases. Isso ocorre porque e por quanto tempo haverá uma normalização do intestino pois o meu caso seria para isso.

Pat Feldman September 26, 2016 at 18:57

O tempo para cada organismo se adaptar pode variar, não tenho uma resposta exata para essa pergunta!

Rosana bicudo January 20, 2017 at 8:02

Estou usando um probiotico que não causou gases no início, fico pensando se realmente ele está fazendo efeito. É àquele que se conserva na geladeira

Comments on this entry are closed.

{ 6 trackbacks }

Previous post:

Next post: